Weekend!

Isto pelos vistos anda meio parado he he my fault, que a semana foi complicada.
Na sexta eramos para ter ido pos Algarves, mas eu tava tão cansada que me apetecia a tudo menos fazer o raio da viagem. Telefonei para casa e fiquei a saber que a sister e a maezinha estavam de bagagens aviadas para virem cá..por pouco não ia haver um mega desencontro...
Desde que estou cá por cima (há quase 5 anos, portantos), este foi o primeiro mês que não fui uma única vez aos algarves..shame on me!

Como sexta tinha sido um dia de calor infernal, sábado ainda iria estar pior, então decidimos abrir a época balnear. Acordamos cedo, as nove e meia já o termómetro da cozinha marcava 30ºC, fritamos os bons dos rissois e fizemos as sandes, amanhamos a tralha e tomamos o pikeno alomoço, comigo sempre a dizer "Ah ganda dia de praia vamos nós ter!".
Depois comecei a chatear o marido que queria musica, que tinhamos que levar música, e que um dia destes sem música não rendia, e então passamos pela FNAC e compramos umas Höher a pilhas, que custaram 9(,99) eur, mas no entanto tinham um som quase tão bom como algumas das que custavam 200eur que tinhamos andado a ver :P

De facto, tava um dia do caneco. Tava um calor dos diabos. Quase que se custava a andar na areia. As minhas espectativas quanto ao fabuloso dia de praia que iamos ter começaram a dissipar-se mal notei que os elementos estavam todos contra a malta:

Tava um calor infernal, que aquecia a areia de tal forma que ou estavamos em cima das toalhas, ou calçavamos as chanatas, ou iamos para a areia molhada, a água estava gelada, mas gelada que chegava a doer os pés e as mãos (porque eram as únicas partes que eu conseguia molhadar), o ar, bem esse, para além de quente que se custava a respirar, touxe-nos um enxame do mosquitos, e consequentemente aranhas e outras coisas mais estranhas que se estavam a banquetear com a mosquitagem (a madrinha, ao ver tanta bicheza, só dizia que devia estar prali algum cadáver enterrado na areia lol). Também haviam umas rajadas de vento que volta e meia, voltam os chapeus de sol, que às contas disso, à vinda da praia, ficaram os dois dentro do contentor do lixo mais próximo. Também, chapéus de 4eur é o que dá :P

Saimos da praia as cinco e meia e fomos ter com a mana e ca mãezinha que andavam as compras no forum.
Mais tarde fomos todos ao IKEA comprar o quarto da mana, que era esse o motivo da viagem à capital. Custamos a carregar o carro, mas fez-se.
Chegamos a casa já passavam das onze, mas ainda fomos fazer a bela da jantarada: choco grelhado! Nham nham!

No domingo elas foram cedo, por causa do calor, que o(a) meu(inha) sobrinho(a) não pode andar nestas vidas deste tão cedo lol. Nós, pegamos na gente e fomos tomar o pikeno almoço ao Leroy, que eles têm uns bolos muita bons! Depois demos uma vista de olhos aquilo, e fomos à Dechatlon, que agora andamos com a mania do campismo, e eles têm umas tendas engraçadas.
Depois disso já não me lembra o que é que fizemos :P Ah! fomos ao Fuji matar o vício he he
Depois demos uma volta pela costa.

Btw, a Lagoa Azul, (perto do trinunal, em Almada), destronou o Labrininto no que toca às caracoladas. Fomos lá uma destas noites e foi classificado (por nós, claro) como o melhor sitio em Almada para comer os pequenos ranhosos he he he
    31 de Maio de 2006, às 00:04link do post comentar