Ontem lá pras tantas..

(Pa resumir resumidamente, a malta não se tem andado a sentir lá muito bem, então vai daí, vai-se ao Sr. Dr., e ele costuma pedir (e muito bem), analises e exames e essas coisas, pra tentar ver o que se passa. E algumas dessas analises compreendem a utilização de copos ou tubos pa recolher amostras de mijoca, tubos esses, gentilmente cedidos pela clinica.)

 

..mas como eu estava a dizer, ontem à hora de ir deitar, como tínhamos que acordar cedo, quisemos deixar tudo pronto pro dia seguinte, papeis, tubos, etc..

 

...e não é que os desgraçados dos tubos criaram pernas??

 

Corremos a casa toda feitos parvos à procura deles, já tavamos a pensar sair e ir ao carro ver se não tinham caído pra lá, quando nos lembramos dos últimos dois sítios que não tínhamos procurado, sítios esses, exclusivamente frequentados pelo sr. furas: dentro da cama e dentro do sofá!

Decidimos começar pelo sitio que tem o acesso mais facilitado: a cama!

 

Levantamos o estrado e lá estavam eles, os dois tubos, no meio de tantas outras porcarias que ele nacionaliza e carrega lá para dentro (hei-de tirar uma foto à desordem que vai para lá). A nossa sorte foi que não estavam roídos (ainda!!)...mas o gajo deve ter sido muito rápido. Apanhou o saco da farmácia a jeito (ele tem uma fixação estranha por medicamentos), roubou os tubos que estavam lá dentro e foi esconde-los no sommier, o sacana. Não se pode ter nada a jeito, co gajo dá logo conta do assunto...seeeesh! (embrora, claro, a coisa tenha rendido umas belas gargalhadas)

 

À parte disso...lá fui esta manhã, levar o mijo e tirar uns ml's do precioso liquido vermelho..como um pouco de humor pela manhã não faz mal a ninguém, comecei logo a meter-me com a rapariga, a dizer que ia cair pó lado mal visse a agulha e não sei quê não sei que mais, e ela, toda preocupada, a querer que eu me deitasse na maca..."Nah, tou a brincar, desde que não veja nada, tá tudo bem!" a última coisa que vi foi ela a apertar o garrote e depois só senti a picada.. mai nada! Rápido e profissional, saí de lá como entrei!

 

Já a rapariga que foi antes de mim, veio de lá toda grogue, parecia que tinha sido torturada...

7 de Maio de 2007, às 19:39link do post comentar