Gone camping!

No fim de semana passado abrimos a época de campismo de 2007, que graças a Joana, foi adiada um dia (sexta em vez de segunda), e por consequente, fez-nos apanhar dois dias bons de sol e praia e um mau (em vez de um bom e dois maus). Já viste? Salvaste-nos a "férias" he he
Bom, então aterramos no mesmo parque que fez a estreia do ano passado, o da Galé. Aquele parque tem mesmo qualquer coisa de especial. Adoro-o, adoro-o, adoro-o!

Tiramos a sexta de férias para esticar o fim-de-semana. Os planos eram chegar ao parque por volta da hora do almoço e curtir a tarde de praia.
Não chegamos lá tão cedo como o previsto porque o marido passou uma parte da manhã a acabar de passar os cabos para as colunas satélite, enquanto eu reunia a tralha para levarmos. Como optamos por levar a 3 segundos e não cozinhar, a carga ficou reduzida a um terço. Nem mesa levamos!
Numa hora e meia pus-nos lá, e num instante estávamos instalados e a descer a arriba para ir pa praia. O percurso estava um "bocadinho" diferente desde o ano passado. As chuvas destruíram completamente o acesso à praia, e era uma autêntica aventura subir e descer o caminho.
www.flickr.com
A praia estava óptima, pouco populada, sem bafo de vento e solinho quentinho.
Para variar, desta vez fiz-me acompanhar de literatura não-técnica, mas qualquer coisa mais light e bem humorada (se bem que há livros técnicos que são bem humorados..) he he
www.flickr.com
Depois da praia, jantamos e andamos por lá um bocado. Tava uma noite espectacular, corria uma brisa morna muito agradável. Ainda tivemos a tentar fotografar a lua, mas sem tripé, nada feito.
Não dormi lá muito bem nessa noite, porque fartei-me de sonhar, e era com cada merda, daquelas que não lembra a ninguém :P No sábado descemos pa praia depois do pequeno-almoço.
O sol estava um bocado forte, mas eu descobri uma forma de não "assar" muito: é intercalar camadas de bronzeador e de protector solar. Maravilha! Bronzeei-me e nem por isso fiquei vermelha.

Apesar de ainda se estar lá muito bem por volta das seis da tarde, tivemos que subir porque estávamos esfomeados e o lanchinho já tinha seguido à muito.
No domingo, como o dia amanheceu feio e frio, decidimos esperar até à hora do almoço a ver se a coisa se mudava de figura, sob a pena de acabarmos o fim-de-semana mais cedo. Como não mudou, por volta da uma e meia, arrumamos a tralha e demos de fuga. Regressamos por tróia e paramos em Setúbal pa almoçar, tudo nas calmas, a aproveitar o dia.
www.flickr.com
Chegamos a casa por volta das cinco da tarde. Descarregamos a tralha e arrumamo-la logo, depois, enquanto eu me divertia a descarregar e seleccionar as fotos do fim-de-semana, o marido entreteve-se a montar a colunas.