Vou arranjar uns binóculos pa ver a que horas é o próximo metro!

...e ao fim de um ano e oito meses de obras à porta de casa, eis que o tão esperado dia acontece: a linha de cacilhas do metro foi finalmente inaugurada!

o alivio!!

tirei umas fotos ocasionalmente, se não fosse a preguiça tinha tirado mais, mas servem bem a se ver o que se andou a passar por ali durante este tempo todo..também me deu preguiça pa escolhe-las e posta-las, por isso ficam pra amanhã he he

as paragens de autocarro ainda lá estão. são 4 as carreiras que vão continuar a passar por ali, o que significa que o barulho das gajas não desapareceu por completo, mas espero que não seja tão intenso como tem sido até agora, já que tudo o que ia em direcção à caparica foi desviado dalí..o metro também faz barulho, mas não é nada que se pareça com aquelas pasteleiras..

hoje, quando regressamos, lá estava ele, ali, paradinho, a chamar por nós.. e nós não fomos capazes de resistir e compramos bilhetes para experimentar a coisa. e pareceu-me bem fixe!

sexta (ou terça) vou comprar o passe daquilo (ou complemento, já que uso outro passe social) e vou passa a usa-lo regularmente.. a minha dúvida é se continue também a usar os autocarros, que me fazem jeito pa algumas coisas, ou se os esqueça, já que o serviço desagrada-me terrivelmente...

ah, os binóculos é para conseguir ler o mostrador, que diz quanto tempo falta para o próximo comboio \m/

27 de Novembro de 2008, às 03:23link do post comentar ver comentários (3)

Querido Pai Natal...

..como este ano fui uma boa menina *cof cof* gostava que me oferecesses uns chanatos giros, e que durem muito tempo. e podem ser cor-de-rosa.. assim como estes:



e pode ser o 37, que eles aconselham comprar o numero acima por causa do forro hi hi hi

25 de Novembro de 2008, às 23:31link do post comentar ver comentários (10)

Rico repasto!

ora, como eu sei que vocês andam maluca/os (NOT!!) para que eu ponha aqui uma receitinha, cá vai!

Gratinado de tamboril com brócolos e coco!


ó, yé!

a receita veio daqui (aborrece-me a transcrever, bah!), mas introduzi-lhe umas mudanças, tipo, em vez de meter só brócolos, meti também couve-flor e umas batatinhas primor, e os camarões não foram daqueles descascados e empacotados, que eu detesto aquilo blergh, foram mesmo descongelados e descascados à unha!
tava daqui, ó-ó..uma m-a-r-a-v-i-l-h-a!

e não se deixem enganar pelo número de pessoas (4 a 6), nós seguimos as quantidades à risca e se tivéssemos realmente que alimentar 4 pessoas com aquilo, morríamos todos à fome :P

21 de Novembro de 2008, às 01:05link do post comentar ver comentários (11)

Ainda sobre o Codebits...

(mais um post geek, sorry...)
 

é quando a vida regressa à normalidade que começamos a aperceber-nos melhor das coisas, e do que elas realmente significaram...

por exemplo, quando vou a um festival de música que gostei muito, tenho sempre muita dificuldade em cortar a pulseira, porque parece que estou a cortar com algo que teve um grande significado para mim..
no ano passado senti isso com a pulseira do codebits (que por acaso ainda a guardo como recordação), e este ano, passou-se exactamente o mesmo..eu a descolar aquilo e sentir-me cada vez mais distante, e aperceber-me que dali em diante, restaria apenas a recordação daqueles três dias espectaculares...e isso não me chega...

é verdade que sinto-me um bocado turista, pois não percebo nada de programação.. mas isso não me impede de gostar daquele ambiente tecnológico que se gera em torno dos programas, e das aplicações, e das diferentes plataformas. gosto de saber onde chega a tecnologia e até onde pode chegar, gosto de conhecer os avanços que dia após dia vão moldando o nosso futuro, e ali tenho uma grande amostra disso. é por isso que gosto tanto daquele evento, e gosto da forma como ele surgiu e porque é que surgiu. tenho orgulho nele!

já vi reportagens, já li muitos posts, e a opinião é unânime: o codebits é um dos melhores eventos do género que portugal já conheceu. não é só uma inspiração, como uma motivação, uma excelente oportunidade de fazermos algo à altura de outras tantas coisas grandes que se fazem lá fora e se tornam em grandes sucessos... ou algo ainda maior. é uma oportunidade única que não deve ser desperdiçada.

...e eu desperdicei a minha este ano, admito, mas pró ano vou tentar a todo o custo, participar com algo que esteja à altura do evento!

nota-se muito que estou doida para que chegue a edição de 2009?

18 de Novembro de 2008, às 20:55link do post comentar ver comentários (5)

Codebits 2008

e ao terceiro dia de codebits, escrevo finalmente um post!

(um post geekalhão, já agora he he he)

foi por aqui onde andei nos últimos três dias. vinha com boas intenções mas não tenho feito outra coisa se não mandriar. por alguma razão não consigo estar quieta por muito tempo e nem consigo concentrar-me numa tarefa lol

gosto muito do ambiente geek que se gera por estas ocasiões, sinto-me em casa lol. é que isto é uma boa oportunidade de nos rodearmos de outras pessoas que partilham a mesma paixão que nós por internet e computadores, e ninguém nos acusa de sermos uns viciados lol
também é uma óptima oportunidade de conhecermos pessoalmente as pessoas que seguimos no mundo virtual, através de blogs e do twitter e dessas coisadas todas.

e há que dar graças ao sapo por permitir isso, já que nos oferece um evento deste calibre sem termos que pagar um cêntimo para participar nele!

a edição deste ano levou um upgrade, está muito melhor que no ano passado. apesar de praticamente toda a gente dizer que preferia o espaço da gare marítima de alcântara, eu não desgosto deste, talvez pelo factor cozy, e não tão disperso, e sem degraus..e tendo estado neste mesmo espaço há cerca de seis meses, por ocasião da offf, acho que fizeram um grande trabalho, pois isto está praticamente irreconhecível!

este ano não participei no concurso, mas dei o meu ar de graça no codebits quizz, que foi acaso foi ganho pelo marido e pelo andré he he

anyhoo, três dias de tecnologia, computadores, internet, apresentações, brainstorming, gaming e pizza, deve ser a coisa mais parecida ao céu para muitos de nós lol eu pelo menos a-d-o-r-e-i!

e definitivamente, a minha d90 rula! esteve os três dias do evento sempre ligada, tirou centenas de fotos e gastou apenas um tracinho da bateria. ah e claro, as fotos saíram-me espectaculares. acho que posso dizer que sou fã desta maquina hi hi hi


(mais fotos aqui)

o problema, é que o que é bom acaba depressa, mas pró ano que vem há mais, e aposto que vai ser ainda melhor, portanto BE THERE OR BE SQUARE!

Adenda: o marido trouxe uma xbox 360 elite pra casa, graças ao quizz hi hi hi

15 de Novembro de 2008, às 18:50link do post comentar ver comentários (3)

..e eis que a terra me volta a fugir dos pés!

andar num balão de ar quente era daquelas coisa que nunca me tinha passado pela cabeça fazer.. já me tinham dito que era muito fixe, mas nunca me deu para esse lado.. até que na quinta-feira passada, apareceu-me via email, uma oportunidade para faze-lo.

era um concurso interno e estavam a oferecer voos a quem mandasse as piadolas de natal mais divertidas. pensei cá para mim que aquilo ia ser uma porrada de cães ao osso, mas só assim por descargo de consciência, lá arranjei uma anedota fixolas e mandei. e nem pensei mais nisso... até receber  a lista de vencedores hi hi hi

então, como a coisa ia ter lugar algures no alto alentejo, e era cedo pra caraças (tínhamos que estar lá às 7.30h da manhã), decidimos ir para lá no domingo à noite, para não corrermos riscos. não fomos cedo, porque o marido teve que adiantar trabalho de modo a poder esquivar-se na segunda de manhã. entretanto dediquei-me aos preparativos, incluindo escolher e reservar a estadia.

como de costume, atrasamo-nos e chegamos ao hotel por volta das dez da noite. às contas disso, já era demasiado tarde para jantar, mas no bar, fizeram-nos umas tostinhas de comer e chorar por mais :)
por acaso não estava nada à espera de encontrar um hotel de 4 estrelas num sítio tão pequeno e remoto como aquele, mas ele estava lá, e devia ter uma estrela a mais só por causa da simpatia do staff. 5 estrelas, i tell ya!

hoje o despertador tocou mais cedo que o costume, às seis da manhã. ainda era cedo para tomar o pequeno-almoço no hotel, mas tivemos sorte, pois quando chegamos ao local onde estavam reunidos os balonistas todos para o briefing, lá estava ele: um buffet digno de hotel. safou-nos de levar a barriga cheia de fome prós céus he he

depois saímos com a mob toda para o local de descolagem e em menos de nada eram só carros e balões por todo o lado. altamente!
entretanto, o organizador indicou-nos qual era o nosso balão e o piloto de serviço.

o piloto era um granda maluco e tava muito bem-disposto, coisa pouco habitual de se ver numa manhã de segunda-feira lol!

tivemos a assistir à preparação dos balões e depois chegou a hora de subir para dentro do cesto. aquilo ao principio não me inspirava muita confiança, mas essa sensação desapareceu à medida que ia vendo o chão a afastar-se. lá em cima, reinava a calmaria, interrompida ocasionalmente para injectar mais uma gazada de ar quente no balão.




subimos até cerca de 500m de altura, e durante uma hora pudemos apreciar a vista, que a paisagem alentejana é espetacular. ainda por cima, tivemos sorte, que a manhã estava linda e não havia vento, apenas uma ligeira neblina, chata para as fotos. e ao contrário do que eu imaginava, lá em cima não estava frio. só apanhávamos frio quando o balão descia para perto do chão.
a sensação de estar tão alto, e tão "livre" é estranha, não assusta nem um bocadinho..
atrás de nós pairavam dezenas de balões, pena que nós estavamos tão adiantados, e apenas viamos os outros ao de longe.. mas mesmo assim, aquilo é mesmo giro!

IMG_4040


quando o passeio terminou, aterramos num descampado cheio de espinhos e bosta de vaca, a cerca de 15km do local onde tínhamos levantado voo. pensava que iamos "lavrar" um bocadinho, mas a aterragem fui suave. foi mesmo *puf* touch down, toca a saltar para fora do cesto lolll

entretanto, o "resgate" já lá estava à nossa espera, e depois ficamos a vê-los recolher e arrumar o material. aquilo ainda dá uma certa trabalheira, e ia caindo de cú quando perguntei quanto custava um balão daqueles e me disseram a resposta... digamos que dava para comprar um apartamento jeitoso na margem sul lol



daí até estarmos de novo na estrada de regresso à realidade foi um instante...mas pronto, foi uma manhã de segunda diferente, como nunca antes tinha tido, patrocinada pelo sapito, que é um porreiraço :)

 

album completo aqui!

Nouvelle Vague

isto anda bom de concertos este ano.. anda, anda!

então, depois de deixar passar em 2006 no sudoeste e em 2007 na aula magna, ontem à noite fomos finalmente ver nouvelle vague ao vivo.

como foi uma semana bem cansativa, não estávamos propriamente dito com grande pedalada praquilo, e por termos chegado lá já em cima da hora, não era fácil ir lá pra frente, então, cagamos altamente e fomos lá para trás, para junto da mesa de mistura, onde encontramos o paulo e um colega a filmar e fazer a reportagem sobre o concerto.

foram duas horas e meia de clássicos dos anos 70 e 80, re-arranjados em estilo bossa nova, e com um cheirinho a reggae... e não fosse a combinação de música boa, tocada em tons melosos propicia à marmelada, logo, foi isso que fizemos durante o concerto todo lol duas horas e meia muito boas, portanto!

pena foi mesmo o pessoal todo a fumar...já havia bastante tempo que não chegava a casa a tresandar a fumo de cigarro..

Cada vez mais perto!

depois de quase três anos em queluz, seguidos de 4 meses em cascais, eis que finalmente o marido passou a trabalhar mais perto de mim. YAY!

a mudança de instalações do work dele deu-nos mais uma horita juntos. agora passamos a partilhar mais tempo nos mesmos transportes públicos, e podemos almoçar juntos, que era o que realmente interessava!

ainda não é a situação ideal, mas sempre é melhor do que antes ^^

3 de Novembro de 2008, às 19:43link do post comentar ver comentários (8)

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mirc.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e yada yada, yada... é ler o blog ;)

bucket list

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores: #11 #10 #9 #8 #6 #5 #4

seguir nos blogs do sapo

Follow follow us in feedly