Hoje foi um dia "daqueles"...

tinha dentista às nove da manhã (raio de maneira de começar a semana, né?), fui atendida já passava das nove e meia (é pa compensar o meu atraso de meia-hora na semana passada :P). depois de uma sessão assim pro violenta, sai de lá meio atordoada, a me certificar que tinha os dentes todos intactos e com uma sensação horrível na boca. O dentista fez qualquer pra lá coisa que me comprimiu os dentes, e aquilo tava-me a custar um bocado, mas não disse nada pois pensei que passasse...

qual quê!

quando cheguei ao trabalho custava a falar, aliás, custava a fechar a boca...

...e uma pessoa conseguir concentrar-se em alguma coisa quando lhe dói os dentes (ou outra coisa qualquer), e quando essa dor não passa com nada porque não é realmente uma dor?
sabem quando tão a comer pipocas e ficam com uma casca do milho grossa entalada nos dentes e aquilo começa a fazer uma granda pressão prós dois lados, e andamos doidos enquanto não tiramos aquilo? tinha esta sensação em metade dos dentes de cima..era horrível, parecia que se iam partir se mordesse em qualquer coisa...

foi à hora de almoço, que, depois de não ter conseguido comer quase nada (e estamos a falar de sopa, aliás, creme), decidi que devia regressar ao consultório antes que desse em maluca com aquela sensação, ou pior, que aquilo me danificasse a ponte...

cheguei lá, expus o sucedido ao dentista, e depois de ter visto o que se estava a passar e desbastar um bocado do penso provisório, disse que foi um fragmento de adesivo que ficou entalado...só sei, e´que quando me tiraram os penduricalhos da boca, até soltei um "aaaaah que alivio"...fosga-se...que tortura...

ainda assim fiquei com isto um bocado sensível...é que eles ainda levam o seu tempo a ir ao lugar, mas bolas...perdi o dia...vá la que nesta profissão, desde que tenhamos os ficheiros e um computador, podemos fazer o trabalho em qualquer lado :)

27 de Novembro de 2007, às 01:26link do post comentar