The neverending story

gostava de entender os gajos das obras, a sério que gostava... de manhã acordo, assomo-me à janela e vejo que estão a alisar o terreno da futura estrada. uh-uh! vão começar a asfaltar a praça, penso.
antes de sair de casa, espreito novamente à janela e vejo que estão a abrir um buraco enorme no sitio onde o terreno que já parecia pronto. andam nisto há três dias: alisam, abrem buraco, alisam, abrem buraco, alisam, abrem buraco...

há uns dias atrás decidiram novamente mexer na canalização à porta do prédio, quando já tinham mexido há uns meses e estava calcetada de fresco. vá de escavar tudo, vá de tapar tudo...porque é que será que não conseguem fazer tudo de uma só assentada?

adenda: esta manhã fizeram mais uma das deles. tavamos a tomar banho e pumba, vai-se a água!  telefonema para o smas... ruptura de uma conduta, causada pelas obras do metro, o piquete já estava a caminho, daqui por uma hora a água volta...e eu com champoo no cabelo...e suspeito que o "apagão" afectou uma grande parte da cidade..

24 de Janeiro de 2008, às 21:50link do post comentar