E quando uma pessoa pensa que já viu tudo...

...eis que hoje encontramos, num jardim à beira-mar em setúbal, um homem que andava a passear um porco. sim leram bem, um porco!
claro que nós, estupefactos com o que estavamos a presenciar, fomos incapazes de resistir e fomos meter conversa. descobrimos que afinal não era só um porco, mas sim, dois, uma porquinha com nove meses e o um ainda mais pequenito, com 1 mês.. fofos até dizer chega!

ficamos a saber que eram porcos vietnamitas, uma espécie de porco anão, que por não crescer muito há quem o tenha como animal de estimação, que era o caso. achei o máximo, ter um porco de estimação lol. eu até curto porcos, fazem um barulho giro e têm uma expressão engraçada, parece que estão sempre a rir. vai na volta é por isso que não gosto de comer carne de porco...

anyhoo, o porco pequeno era lindo lindo, tinha uns 25cm de comprimento, era um bocado arisco e cada vez que lhe pegávamos, o gajo começava a guinchar.
a porca, teria um meio metro de comprimento, e era muito meiga, quando lhe começávamos a fazer festas, a gaja deitava-se no chão, toda refastelada. gulosos como tudo, o dono estava a dar-lhes pão, e a dada altura, a porca filou o papo-seco todo e pirou-se. o dono vai atrás dela para lhe tirar e ela guinchava furiosamente lolll enquanto lá tivemos não pararam de comer.

achei piada foi às suas caudazinhas...parecia o rabo de um canito, e eles não paravam de abana-las. deviam estar contentes he he

...e é por estas alturas que eu fico furiosa comigo mesma por não andar sempre com uma máquina fotográfica atrás..mas encontrei no flickr, dois espécimens tão queridos como os que vimos, um bebé e um mais crescidote. e também encontrei um video no youtube. mesmo queridos, os bixos!
3 de Maio de 2008, às 22:53link do post comentar