Mais 5 caches!

a malta tá de férias, não tem mai nada pa fazer, diverte-se como pode, né?

então no dia 25 levamos o dia todo a dizer que tínhamos que nos fazer às caches, mas quando finalmente saímos de casa, eram sete e meia da tarde. noite cerrada, portanto...

como estava muito escuro, decidimo-nos por caches urbanas, e lagos era o que estava mais à mão.

cache #4 - marina de lagos

começamos pela marina, que era a que estava mais perto. tava um frio de rachar, mas não nos demoveu de ir à procura da cache. estava num sitio fácil, mas estava um bocado afastado do ponto que o mapa indicava, pelo que ainda levamos bastante tempo a espreitar por entre as pedras do pontão.
tínhamos apenas uma lenternazeca de dar à manivela, não dá luz quase nenhuma, mas safou a coisa.

saímos dali aos pulos a ver se aquecíamos e fomos consultar a app. estávamos a km e meio de outra, tava tão perto que chateava... era só pegarmos no carro e seguir em frente.

cache #5 -
os indios da meia-praia

o sitio onde esta cache se situa não me inspira grande confiança, por isso, fomos dar uma granda volta, para chegar lá pela praia em vez do povoado. o carro também não ficou estacionado muito perto. podíamos ter chegado lá em poucos minutos se tivéssemos ido pela linha de comboio, mas era perigoso.
again, não se via um cabrão e a luzeca mal iluminava o sitio por onde púnhamos os pés.

aquela foi realmente fácil, a pista dizia tudo. em menos de nada, tavamos sentados a logar a nossa visita.

cache #6 - forte da meia-praia

esta sofreu do mesmo mal da outra..tava apenas a um kmzinho dali...era uma pena não passarmos por lá, então lá fomos.
também foi bastante fácil dar com ela. ajuda um bocado conhecermos o sitio como a palma da nossa mão, né? he he

cache #7 - a22 - via do infante - lagos - w-e

esta foi fruto do acaso, porque paramos na estação de serviço quando regressávamos a casa e ela estava uns metros de nós. não íamos deixar passar a oportunidade em branco, claro!

andamos 15mn, agachados a espreitar por entre os arbustos com aquela luz de merda, e tava difícil..às tantas, chamo o marido e digo-lhe: "não vamos desistir, aposto que está mesmo à frente dos nossos olhos!" e não é que estava mesmo??

e com essa demos a noite por terminada. foi uma estreia, as caches nocturnas, e foram todas bem sucedidas!
muito divertido, apesar do frio, e tem a vantagem de não levantar tantas suspeitas em relação ao que se anda ali a fazer

no dia 26 saímos em família, fizemos duas, todas nos arredores aqui da aldeia.

cache #8 estela de bensafrim

esta meteu uma pista pelo meio. a localização da cache que está no site não é a final, tínhamos que dar um passo intermédio para chegar à localização exacta. caro que foi fácil encontrar a pista, e o local.

a vista é realmente bonita, conheço bem os arredores disto aqui, mas nunca me tinha aventurado praqueles lados.

cache #9 old dam wall

esta também não foi difícil de achar, e andamos por uns sítios bem manhosos, cheios de pedras. foi o meu pai que deu com o tupperware, que eu andava mais preocupada em fotografar o musgo que crescia num sitio ali perto he he

e pronto..queria ver se amanhã ia para os lados da costa vicentina..espero que não chova, que há ali muita cache para descobrir :)

27 de Dezembro de 2008, às 03:17link do post comentar