Férias... mas para onde?

a primeira ideia era ir uma semana para inglaterra. havia montes de actividades que queria fazer por lá, entre elas, assistir ao solstício de verão em stonehenge. então, durante meses andamos a planear os pormenores da viagem, que iria ser basicamente uma correria desenfreada de um lado para o outro para conseguirmos fazer tudo o que eu queria.

acontece que... a duas semanas de irmos de férias, deixou de me apetecer a ir pro uk... eu sou assim lol

vá lá que ainda não tínhamos marcado nada (às vezes, o hábito de deixar as coisas para a última da hora tem as suas vantagens)... e vá lá que o marido também não se importou :)

então começamos a pensar em alternativas. para cima da mesa saltou fazer uma tour por portugal, começando e terminando no algarve, e tentando passar pelo máximo possível de sítios que ainda não conhecêssemos..

..só que eu ainda não estava convencida... again, seria uma correria de um lado para o outro, sempre a conduzir, e descanso, nicles..entretanto, começo a ver toda a minha boa gente a pirar-se para fora do país para ir recarregar baterias para outras bandas...vai daí que começo a ficar invejosa he he

a ideia de ir para um sitio longe de tudo e não fazer nenhum durante uma semana era de facto, atraente.. e quanto mais pensava nisso, mais tentada ficava.. vai daí que peguei numa ideia antiga, e comecei a ver as ofertas das agências de viagem para punta cana!

há uns anos atras andava com ganas de ir até lá, só que entretanto descobri que as maldivas são bem mais fixes e meti a republica dominicana de parte... mas como o dia de largarmos tudo e fugirmos para uma ilha paradisíaca durante duas semanas nunca mais chegava, e comigo desesperada por um get away com o marido, propus-lhe uma semana inteirinha de praia all day long sem fazer a ponta dum corno.. não era num paraíso isolado, mas era capaz de servir para o efeito :)

agora..isto ficou decidido no último fim-de-semana antes de irmos de férias. é preciso dizer que não tínhamos nada preparado para uma viagem desta dimensão, incluindo passaportes? ah poizé!

já era o mais importante, foi por onde começamos. na segunda-feira seguinte fomos à loja do cidadão dos restauradores à hora de almoço. chegamos lá and guess what? já não havia senhas para aquele dia...aconselharam-nos a tentar o governo civil, não muito longe dali. chegamos lá, and guess what? tínhamos 100 números à frente e aquilo fechava dali a 3 horas...parecia que toda a gente se tinha lembrado a tirar a merda do passaporte na mesma altura :P

decidimos então tentar a sorte na loja do cidadão de setúbal no dia seguinte. entretanto fomos a quantas agências de viagens conseguimos, e munidos de catálogos e brochuras e preços, começou a árdua tarefa em escolher um resort que nos agradasse e que estivesse dentro do limite do orçamento.

na manhã seguinte, a ida a setúbal revelou-se o maior fail possível de imaginar... digamos que não volto a por lá mais os pés :P
o com tempo a escassear, decidimos que se queríamos tirar os passaportes, teríamos que ir madrugar para a porta do governo civil.
entretanto a escolha do resort estava complicada, pois nesta altura já tinha passado ao tripadvisor e aos foruns..

na manhã seguinte, às 8 da manhã estávamos à porta do governo civil, e não fomos os primeiros, já lá estavam 4 pessoas. pela nossa frente ainda tínhamos uma hora de seca até aquilo abrir.. mas finalmente conseguimos tirar o passaporte. vitória. YAY!!

nesse mesmo dia fomos à agência de viagens que estava mais à mão, e voltamos a olhar para os catálogos sem ligar às reviews e rankings do tripadvisor.
decidimo-nos pelo resort que mais nos agradou. é que os quartos dos resorts de punta cana têm quase todos decoração assim pró colonial e nós gostamos pouco de coisas ricócós..então cagamos para as promoções e optamos pelo resort com o aspecto mais moderno possível. bem ao nosso género!

(é provável que o facto de ter jacuzzi no terraço tenha pesado ligeiramente na decisão hi hi hi)

já dava uma dentadinha no orçamento, mas já era tarde demais, a decisão tava tomada. reservamos e pronto! 
ficamos foi a rezar para que as pessoas que lá vão e depois escrevem reviews no tripadvisor sejam muito picuinhas e que a nossa experiência corresse melhor..

entretanto apercebi-me que iria passar sete horas e meia fechada num avião.. ugh!!

(to be continued...)

29 de Junho de 2010, às 02:29link do post comentar