De merdoso a perfeito em 3 actos!

em dia de duplo aniversário, comigo a somar mais um aos 30, e os 6 anos de contrato nupcial, acordamos para uma bela "surpresa"!

 

acto 1

 

logo pela manhã, o marido pergunta:

 

"onde está o disco externo (das fotografias)?"

"não sei..não está na mochila onde foi a tralha toda?"

 

não estava nessa mochila e nem em outra nenhuma.. corremos a casa toda e nada.. provavelmente tinha ficado esquecido no hotel em beja..

 

assim de repente, apercebermos-nos que 10 anos de fotos podem-se ter esfumado de um momento para o outro é algo para dar uma valente caganeira.. não foi o caso, mas fiquei muito mal disposta e com o dia completamente arruinado ainda não eram 10 da manhã..

ainda por cima fiquei a saber que nem backups tinha porque o marido os apagou nas ultimas limpezas aos discos..

 

restava a duvida: será que ficou esquecido na sala onde estava o material dos balões ou no quarto, mas as esperanças de o voltar a ver não era muitas..

o marido encarregou-se de perguntar ao pessoal se alguém o tinha encontrado e eu de entrar em contacto com o hotel.

 

telefonei e perguntei por uma bolsa cor-de-rosa esquecida no quarto tal. não tinham informação e ficaram de me telefonar se estivesse nos perdidos e achados.. se eu soubesse o meu numero de telemovel de cor..assim fiquei de voltar a ligar mais tarde. entretanto o marido não teve sorte.

 

acto 2

 

20mn depois...

"bolsinha rosa choque, sim, ficou no quarto, já a temos connosco, podemos mandar... "

"…não não, não é preciso, dou um saltinho ai no fim-de-semana e vou busca-la pessoalmente. muito muito muito obrigada!"

 

e de repente o dia ficou da cor da bolsa: cor-de-rosa choque. JOY!!

 

mas mortos por ter o disco de volta, começamos a pensar se em vez de esperarmos pelo fim-de-semana, não nos púnhamos a caminho no mesmo dia e pronto. 4 horas (ir e vir) era na boa!

 

mais tarde, susana vem dar os parabéns. conversa puxa conversa digo-lhe que se calhar ainda vou a beja e volto esta noite...

 

"então, mas se vais, porque é que não aproveitas e ficas lá?"

 

acto 3

 

depois de uma passagem mais demorada por azeitão, para jantar com os sogrinhos e ter recebido o presente mais inesperado de sempre, siga para beja!

 

mal nos fizemos à estrada o marido telefona para a recepção para avisar que íamos chegar tarde. responde o recepcionista com um sotaque bem cerrado:

 

recepcionista: "o amigo não se preocupe que o hotel tá sempre aberto.. e se calhar já depois da meia-noite, não?"

marido: "pois, já não devo conseguir antes.."

recepcionista: "ahhh.. atão venha devagarinho!"

muito bom =D

 

quando lá chegamos perguntei logo pela minha rica bolsinha e lá estava ela, perfeitamente guardada e à minha espera. naquele momento senti um alivio colosso hehehe

 

...e foi assim, sem nada que o fizesse adivinhar, que acabamos a noite de duplo aniversário em pleno alentejo, num belíssimo hotel. acho que o dia não podia ter corrido de forma melhor!

 

acabou por se revelar um aniversário e pêras, este. as comemorações iniciaram-se na noite anterior, com uma bela barrigada de peixe cru, e só terminaram no dia seguinte, com um fantástico pequeno-almoço buffet e aquela paisagem alentejana magnifica até perder de vista :'D
lá está.. as coisas improvisadas sabem sempre melhor!

27 de Outubro de 2010, às 23:52link do post comentar