Isa vai ao ginásio: roupa de treino

lamento, mas já me apercebi que vou andar por lá uns tempos e aquilo é um poço de inspiração para posts de merda que eu tenho andado a desperdiçar. mas não percamos mais tempo!

começando pelo o básico, como o título indica. mais especificamente: partes de baixo.

podia ter usado as calças largueironas que tenho prali no fundo do roupeiro, de anos anteriores quando as modas eram outras, mas depois ocorreu-me que iria andar trajada diferente do resto da malta, coisa para captar atenções indesejadas e eu gosto muito de passar despercebida, 'tóbrigadinha. então bati aí umas lojas à procura de umas calças ou leggings, ou que raio se chama àquilo que agora se usa, que não me dessem ganas de coçar as pernas até arrancar nacos de carne com as unhas (sou muito comichosa com tecidos), ou que tivesse ataques de claustrofobia capazes de me transformar no hulk e desfazer as calças em mil bocadinhos (a sério, como é que conseguem vestir as cenas da nike? experimentei uns quantos modelos e ia morrendo no provador - o homem tá aqui ao pé de mim e não me deixa mentir). não foi fácil, mas às tantas lá consegui encontrar umas que me agradaram.

anyway, para minha surpresa, descobri que aquele tipo de calças ou leggings são fixes. para dizer a verdade, tou grande fã delas! funcionam como uma espécie de push-up, uma pessoa veste aquilo e fica ali toda embaladinha em vácuo, tudo arrumado no devido lugar: não se nota a pança por causa da compressão do elástico da cintura, não se nota a gelatina da celulite nas coxas, as pernas ficam mais torneadas e até o cagueiro parece mais redondinho e arrebitado. um verdadeiro milagre da engenharia têxtil! uma pessoa olha-se ao espelho e interroga-se sobre qual é mesmo o motivo de ir para o ginásio derreter em suor.. srly, deviam fazer aquilo transparente ou da cor da pele, para se usar no verão, na praia!

além disso são super-confortáveis, quando se veste, não apetece despir nunca mais. mas convém.. aliás, depois do treino, deviam mesmo ser queimadas muahahaha

mas o que mais me intriga - e atenção que não faço por crer, juro! só que não sou cega, as coisas passam-me à frente dos olhos e prendem-me a atenção, levantando questões altamente existenciais (ou então é porque é muito aborrecido correr meia hora sem sair do lugar e tudo serve de distracção) - é o seguinte:

miúdas, o que é que vocês vestem por baixo dos leggings que não se nota marcas de cuecas? andam à commando ou... 

iluminem aqui o caminho desta alma perdida nestas lides, if you be so kind!

13 de Janeiro de 2016, às 01:09link do post comentar