Wax happens

certa vez, duas pessoas enfiaram-se numa banheirada cheia de espuma fofinha e delicada, e velas nos rebordos para dar aquele ambiente romântico ao cenário. às tantas, alguém se entusiasma e manda um biqueiro numa vela, espalhando cera liquida por todos os lados - cera essa que solidifica quase instantaneamente ao entrar em contacto com o frio das superfícies...

PÂNICO!! E AGORA?? COMÉ QUE VOU TIRAR ESTA BOSTA??

calma... respira fundo... relaxa... o google há-de iluminar o teu caminho para a solução!

no dia seguinte meti mãos à obra. combinei três técnicas que encontrei logo nos primeiros resultados, e demorou-me apenas uns minutos a limpar aquela bodega toda. primeiro raspei o grosso da cera com um cartão de plástico, tipo aqueles de fidelização que dão nas lojas. o cartão é fixe porque não risca o chão, nem os azulejos das paredes, nem as loiças do wc. apanhei as aparas com papel de cozinha. de seguida, peguei no secador de cabelo e "aqueci" a área afectada, enquanto ia passando um pano de limpeza com um produto desengordurante (usei sonasol verde). foi como se nada tivesse acontecido ali, não sobrou cera para contar a história.. pena lol

pronto.. se vos acontecer, já sabem como resolver. also, mais cedo ou mais tarde, vamos ter que erguer uma estátua em honra do google :D

9 de Outubro de 2017, às 19:45link do post comentar(4)