Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lost in wonderland

lost in wonderland

Corona Shots XIX

Abril 17, 2020

...e vão cinco semanas!

covid

a inês do mar de maio publicou um post cujo titulo, "países diferentes, realidades iguais", é algo que ando para falar aqui há um mês.

a 11 de março, na véspera de nos barricarmos em casa, fomos ao supermercado buscar mantimentos para uns dias. foi naquela semana em que a corrida aos supers atingiu proporções catastróficas, nunca vi aquele supermercado nem tão concorrido, nem tão varrido.

ao passar pela secção dos vegetais congelados, fiquei um bocado chateada por já não haver praticamente nada.. excepto mistura chinesa. ninguém pega na mistura chinesa

mistura

passados quatro dias, tropeço nesta foto, que creio ter sido tirada num lidl no UK ou irlanda, porque as embalagens estão todas em inglês. e também lá, no raio da mistura chinesa, ninguém pega!

mistura

foi naquele momento que tive a realização que o mundo inteiro estava todo no mesmo barco, e que não importam as fronteiras.. aqui ou lá fora, somos todos iguais.

o nosso restaurante nepalês de eleição FINALMENTE voltou a abrir - em corona mode, claro - e mesmo não estando disponível por uber eats nem glovo, não me importo nada de dar lá um saltinho. é telefonar, encomendar, enfiar-me no carro, e quando lá chegamos, já tá a comida pronta! 

fiquei no carro enquanto o homem foi buscar o almoço jantar. quando o funcionário que habitualmente nos atende, lhe entregou a comida, perguntou-lhe pela "sinhóra". o homem apontou para o carro, e ele viu-me. fez alta festa lol saiu do restaurante a acenar com os dois braços e um sorriso gigante, enquanto perguntava à distância se estava tudo bem he he he tão fixe!

tava delicioso como de costume, deu para matar as saudades.. e esquecer aquela má experiência de há duas semanas, blargh 😝

Corona Shots XVIII

Abril 14, 2020

depois de quatro dias fechada em casa, achei que merecia ir fazer as compras no meu supermercado favorito (o do ECI). quando ir ao supermercado é o ponto alto do dia, sabes que estás a viver em tempos excepcionais...

atravessei a cidade em hora de ponta, às seis da tarde. há um ano fiz essa mesma proeza (não foi até ao ECI, mas foi muito perto), e demorei hora e meia. hoje cheguei lá em 15 minutos... há que saber dar o valor a estas coisas. a isso, e a quão limpo o ar da cidade está. é magnifico.

matrix

íamos apenas para comprar meia dúzia de coisas.. acabamos por encher o cesto. é por isso que eu não posso ir lá com frequência.. ainda por cima, como não tenho abastecido o carro, os vales de desconto não abundam..

o sanytol já vai aparecendo nas prateleiras, mas aquele que eu queria, o desinfectante de roupa, nem sinal dele. anda desaparecido desde que esta cena toda começou, humpf.. e é oficial, já anda tudo de máscara nos recintos fechados. nós também.

in other news... acompanho as conferências de imprensa do trump desde o início. a cada uma que passa, penso cá para mim que, mais baixo que aquilo não é possível descer.... e todos os dias, o sacana prova-me o contrário. a de hoje foi muito, muito mazinha.. cringe mesmo.. quem acha que o costa anda a fazer campanha a cavalo do coronavírus, devia ser obrigado a assistir a este comboio a descarrilar todos os dias... e até admito que os jornalistas possam estar a ser demasiado duros e a puxar bastante por ele, mas aquela fanfarronice toda é simplesmente indigesta 🤮

huh

Corona Shots XVII

Abril 13, 2020

se 2020 tivesse sido um ano atinado, como os outros têm (mais ou menos) sido até à data, a esta hora tinha acabado de chegar do algarve, carregadíssima de folares (e bolos de torresmos), a ter dificuldades em enfiá-los todos na arca por falta de espaço, e a levar nas orelhas do homem, que aquilo era um abuso, "pró ano vê lá se não compras tantos"..

assim, tive que me contentar com um folar minúsculo, farsola (parecia um primo afastado dum pão de leite, com um ovo cozido lá dentro), caríssimo, que por milagre o homem conseguiu arranjar à ultima da hora, para mim manter a tradição... 

folar

bah!

Corona Shots XVI

Abril 10, 2020

...e nisto, passaram-se quatro semanas de confinamento.

meme

portantos, há praticamente um mês que não dispo o pijama muhahahah mentira, dispo.. mas acontece que tenho dois pijamas: o pijama de dormir e o pijama de trabalho. isto de poder de trabalhar de pijama é um luxo, tenho que aproveitar enquanto posso. por falar em trabalho, tivemos que rearranjar o nosso "home office". a disposição anterior tava a ficar claustrofóbica, não nos dava grande espaço para passar em redor da mesa.. tão rodamos a mesa 90º e a coisa ficou TÃO MELHOR!!

mas vá, às vezes visto roupa normal.. durante uma hora ou assim, quando tenho que ir ao supermercado ou à lavandaria. btw, um conselho que vos deixo: não se esqueçam de cortar as unhas dos pés.

até à data, ainda não estou aborrecida de estar fechada em casa… mas à medida que os dias vão avançando, e começo a ver os fins-de-semana de primavera no alentejo por um canudo, dá-me assim uma certa angustia... e não vamos falar em praia... agora por isso, nunca um depósito de combustível me durou tanto tempo. a última vez que abasteci o carro foi a 2 de março, ainda vai a pouco menos de metade.

map

os dias vão avançando, uns iguais aos outros. já deixei de conseguir perceber quando começam, e quando acabam, os horários estão totalmente farfalhados. a rotina está instalada, e de saudável tem muito pouco.. demasiadas horas ao computador (e quando não é ao computador, é ao telemóvel), e o único "exercício físico" que fazemos são as tarefas domésticas, e correr atrás dos gatos..

o pombo que apareceu por aqui há umas semanas, arranjou um amigo.. ou então um lance.. pois agora tenho dois pombos a passearem-se em frente à janela. por falar em janelas.. a camada de pó que os vidros têm é tal, que já custo a ver a rua 😐 a ver se o tempo atina, para tratar disso nos próximos dias.

ainda não consegui o tal bife médio-mal, afogado naquela molhanga que faz disparar os níveis de colesterol mau, que me anda a apetecer à semanas. aliás, em 28 dias só comi carne 3 vezes. também começo a ficar com sérias saudades de um galão de máquina e um pão-de-leite com queijo lá na pastelaria do costume. e tenho cá para mim, que vou sair deste isolamento viciada em chocolate...

Corona Shots XV

Abril 07, 2020

é oficial, sou hoarder 😐

shit happens

mas não é de papel higiénico... é de água com gás!

um bocadinho de contexto. no ano passado, quando o meu estômago decidiu dar numa de preguiçoso por causa daquela medicação maravilhosa que tenho que fazer todos os dias, passei a beber água com gás com muita frequência. habituei-me, e a coisa escalou tão rápido, que passei praticamente só a beber água com gás. o homem acompanha-me nisto.

ora, se bebermos 1L de água com gás por dia, a média são 30L ao mês, mas às vezes bebemos quase 2L. compramos garrafas de 1,5L e 0,5L, e abrimos a garrafa acordo se vamos consumir a água toda naquele dia ou não, que água com gás morta sabe pior que água da torneira. isto traduz-se num carregamento mensal de 3 packs de 4 garrafas de litro e meio, e seis packs de 6 garrafas de meio litro, para não termos que andar sempre a comprar água.

até março passado, fazia o meu carregamento de águas e

cagar

depois de março, alguém topa o carregamento e sai-se logo com a boquinha,

faltar

e pró caralhinho, não queres ir? é nesta direcção 🖕

Corona Shots XIV

Abril 06, 2020

a notícia do dia foi que um tigre no zoo de bronx (nova york) testou positivo para a COVID19, e que estão outros seis tigres, mais três leões, com sintomas de doença respiratória 😿

não era propriamente novidade. já se desconfiava que os gatos fossem susceptíveis ao coronavírus, pois já tinham sido relatados dois casos positivos em gatos, que foram contagiados pelos donos.

para já, não há evidências que seja possível a transmissão do vírus de animais para humanos, mas um estudo recente concluiu que a transmissão é possível ente animais. e pouco mais se sabe.

por isso, NADA DE ABANDONAR os bichos, pessoal! recomenda-se, por uma questão de cautela, quem estiver doente com o coronavírus, deve limitar o contacto com os animais de estimação, tal e qual como com outras pessoas.

e andamos nós a gozar com esta foto.. os chineses sabem-na toda, é o que é!

mask

e já em 1918, (apesar de ser outro tipo de vírus) a malta tinha cuidado com os gatinhos.. também deviam saber de qualquer coisa,

1918

portanto, não será de estranhar que nos próximos dias, o aliexpress seja inundado com máscaras para gatos. also.. boa sorte a colocarem as máscaras nos gatinhos. se forem como os meus, vai ser preciso abrir uma ala nova nos cuidados intensivos... vai aparecer muita pessoa esquartejada 😨

enfim, mais um motivo para sermos extra cuidadosos quando trazemos as compras do supermercado ou chegam encomendas cá a casa.. não quero os gatos com coronavírus, fónix!

A caixa mata-bicho

Abril 05, 2020

em novembro passado, compramos uma lâmpada UV-C para tentar acabar com uma praga cá em casa. este tipo de luz ultravioleta dá cabo de tudo, bactérias, vírus, bolores, ácaros, e até dos nossos olhos e pele, se não tivermos cuidado.

e de reboque veio também uma "varinha" de desinfecção, basicamente uma luz UV-C portátil, para usar no carro, dentro dos armários, na caixa de areia dos gatos, ou ir connosco para hotéis.. jamais nos passaria pela cabeça, o quanto útil a varinha viria a ser, 4 meses depois.

quando o coronavírus chegou a portugal e começamos a desinfectar tudo e mais alguma coisa, o homem teve uma ideia genial: arranjar uma caixa de plástico opaca, onde colocássemos as coisas que habitualmente andam connosco na rua [telemóvel, carteira, chaves, etc], e esterilizávamos tudo de uma só vez, com a varinha. encontramos a caixa perfeita no ikea.

entretanto, meti-me a pesquisar sobre o assunto (para perceber a eficácia deste método de desinfecção), e descobri que estávamos a desperdiçar a nossa caixa, por ser escura. devíamos forrá-la com papel de alumínio, para que a luz reflectisse e aumentasse o potencial de desinfecção. mas papel de alumínio era uma real dor de cu para forrar uma caixa.. vai daí descobri que havia papel autocolante espalhado, e leroy merlin, aí vamos nós!

caixa
caixa 2
caixa 3

apesar do 1,5m do rolo papel autocolante não ter sido suficiente, e ter levado uns remendos com fita de alumínio, a caixa ficou impecável. até punha aqui um vídeo da luz a funcionar lá dentro, mas o homem filmou na vertical... assim sendo, ponho só o link lol

fizemos também um buraco na tampa, para podermos encaixar lá a varinha de "cabeça" para baixo, e controlá-la de fora da caixa (os controlos estão na base). eventualmente, há-de levar um upgrade, para uma lâmpada mais forte, permanentemente lá dentro, e um interruptor algures. 

o próximo passo é comprar um escorredor de loiça simples, para meter os telemóveis e as carteiras na vertical dentro da caixa. baby steps, que isto agora não se pode andar a sair de casa sem mais nem menos. 

[adenda: sobre as lâmpadas germicidas UV-C]

estas lâmpadas são vendidas em dois comprimentos de onda, 185nm e 254nm. qual é a diferença? as primeiras produzem ozono, um gás prejudicial para os seres vivos, mas que acaba por ter vantagens. primeiro porque consegue chegar onde a luz UV-C não chega, segundo porque elimina os maus odores do ambiente (ex. mofo, tabaco, comida, animais). o cheiro do ozono é muito intenso, parece uma mistura entre enxofre e cloro, e não deve ser respirado. é muito importante, ao comprar a lâmpada, certificar-nos deste detalhe.

a utilização das lâmpadas que geram ozono requer alguns procedimentos:

- usar numa divisão de cada vez;
- retirar os animais de estimação e plantas;
- fechar as portas e janelas;

o tempo de utilização da lâmpada deve ser em função da sua potência e alcance em m2. após a operação, a divisão deve ser arejada durante algumas horas até o cheiro do ozono desaparecer totalmente (ex. 30mn de exposição, arejar durante umas duas horas).

seja qual for o comprimento de onda, nunca se deve estar exposto ou olhar directamente para a luz, devido aos danos que pode causar na pele e olhos.

Corona Shots XIII

Abril 03, 2020

caneco, três semanas já lá vão. nem dei por elas passarem... o que é fixe, e triste ao mesmo tempo, porque em não saindo de casa, devia ter mais tempo livre. e esse é precisamente o problema, em casa arranjo sempre que fazer.

há uns dias, ao regressar do supermercado, reparei numa rapariga esparramada na varanda, super descontraída, a ler um livro. dava a sensação que estava mesmo a apreciar aquele momento. fiquei com uma certa inveja... e não foi por não ter varanda, foi porque se eu me esparramasse no sofá a ler um livro, o meu cérebro começava logo a armar-se em cabrão, a dizer-me coisa tipo, “devias ir fazer isto, e aquilo, e o outro” humfp…

por outro lado, estar fechada em casa tem-me dado mais assunto [ainda que da treta] aqui pro tasco... whadda ya'know!

adulting

in other news, o facebook voltou a ser útil [yep, que não restem dúvidas que o apocalípse abateu-se mesmo sobre nós]. existem muitas empresas que usam aquele canal para comunicar as mudanças repentinas ao negócio, é mais fácil que estar a alterar os sites. bom, a mim tem-me dado muito jeito, admito.

se não fosse por ali, não sabia que o melhor croissant da minha rua, ou a tasca kome, ou o koppu estavam a fazer take-away, o que nos tem permitido, mesmo durante o confinamento, desfrutar de alguns dos nossos restaurantes favoritos. outros que estão mais perto, como o guacamole ou o zero zero, conseguimos pedir pelo uber eats / glovo. isto dos restaurantes poderem continuar a funcionar durante a pandemia é brutal, espero que estejam a safar-se graças às plataformas de entregas.

por falar em comida, nestas três semanas de intenso sedentarismo, ganhei pouco mais de 500gr - que é basicamente a diferença entre ter ou não ter a tripa cheia. por isso, assumo este número como uma vitória YAY! com sorte, não tenho que renovar o guarda-roupa todo quando a pandemia amainar 😅

mas o facto do comércio estar a conseguir adaptar-se ao caos em que o vírus nos afogou subitamente, é um sinal muito positivo de resiliência. os meios existem (redes sociais, soluções de e-commerce para montar lojas online, market places, serviços de entregas ao domicilio, MBway, etc...), é apenas uma questão de tentar adoptá-los o mais rapidamente possível. porque se as pessoas não podem ir às coisas, então as coisas devem (pelo menos tentar) chegar às pessoas.

existem muitos cuidados de higiene a ter, é certo, mas daquilo que tenho visto, as regras estão a ser seguidas à risca, algo que é de louvar para um povo que gosta pouco que lhe digam como fazer as coisas 👏👏👏

trex

Corona Shots XII

Abril 01, 2020

hoje não tava nos planos sair de casa, mas depois lembrei-me que tinha um saco de limões para entregar ao meu chefe 😆. é sempre bom arranjar desculpas para pegar no carro lol

porque isto do confinamento tá para durar, o homem sugeriu comprarmos uma secretária cá para casa, para libertarmos a mesa da sala dos computadores... e dei por mim a concordar com ele... oh gawd...

a cada dia que passa, tenho menos estômago para aguentar as conferências de imprensa do trump, o discurso dele é sempre! sempre! sempre! igual, parece um disco riscado. tá a chegar a um ponto em que pode ser considerado uma forma de tortura, obrigar pessoas a assistir àquilo non-stop. fónix... e vocês perguntam, "tão mas e porqué que continuas a ver?" bom, suponho que seja pelo mesmo motivo que as pessoas vêem reality-shows, pela completa falta de noção da pessoa que está à frente de uma das maiores potências mundiais, e ocasional peixeirada às contas das perguntas dos jornalistas. valha-nos as breves intermitências do dr. fauci.

mask
mas depois ouço as do andrew cuomo, governador de nova york e recupero um bocadinho a fé naquele país.

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#12   #11   #10   #9   #8   #6   #5   #4

seguir nos blogs do SAPO

email: [email protected]

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

'Le Archive

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2004
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2003
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D