Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lost in wonderland

lost in wonderland

Liberdade acondicionada

Novembro 12, 2019

há muitos anos que tenho um problema. e o meu problema é... detesto soutiens!
não suporto ter soutiens em cima! por mais soltos que estejam, apertam-me sempre, sufocam-me, prendem-me os movimentos, dão-me comichão.. que puta de peça de "roupa" mais desconfortável.. que invenção demoníaca.. 

esta embirração dura há décadas, e só tem vindo a piorar com o tempo.. nestes últimos anos, só de pensar neles, apetece-me pegar-lhes fogo, qual feminista enraivecida (com a diferença que o motivo não seria o simbolismo, mas sim, o desconforto lol)... mas não usá-los também não é opção, porque não me sinto confortável a andar com os faróis acesos..

como tal, passo muito tempo a implicar com soutiens.. e a gastar dinheiro em soutiens.. sempre atrás de um bocadinho mais de conforto. é dramático! o homem só não se passa da marmita porque diz que compreende o meu problema, e está solidário comigo, pois também preferia andar com os badalos à solta.

então há uns dias, parece que aproveitou uma noite de insónia para ir à procura de solução para o meu problema... isto, porque acordei de manhã com uma mensagem dele no whatsapp, enviada às tantas da manhã, com um link para uma linha de roupa interior da sloggi, com um nome bastante sugestivo, zero feel.

nunca liguei muito a esta marca, mas de facto, tinham ali qualquer coisa de interessante. parecia uma espécie de soutien de desporto, mas bastante fino, e almofadado. bom, se há pessoa que percebe de roupa interior de gaja, é o meu homem.. tão ficamos de passar numa loja para ir tirar as medidas à coisa. e ele nunca mais se calou com aquela história, "tão, e quando é que vamos ver da sloggi?", e soutiens da sloggi para cá, e soutiens da sloggi para lá... tava mais excitado com a ideia do que eu 😑

porque as lojas normalmente nunca têm nada do que está nos sites, fomos logo ao sítio mais provável encontrarmos a mercadoria, o el corte inglés. já estávamos a ver que não íamos ter sorte, quando ao explorar as profundezas do departamento, demos com o pote de ouro - um expositor enorme, só com peças da tal linha. o difícil foi escolher as cores, porque existem várias, e todas giras. eu ia feita ao clássico preto e ao cor de pele nude, mas um cinza e um rosa claro atingiram-me em cheio nas vistas. e havia um cinza mais escuro, que a minha sorte foi não ter gostado do corte do modelo.. e não vamos falar nos azuis.. nada fácil, digo-vos já.

bom.. modelos, tamanhos, e cores escolhidas, fui experimentar... e foda-se.. what kind of sorcery is this?? 🤯

até pode parecer um soutien de desporto.. mas é tão fino.. tão macio.. tão cómodo.. 😱 ao contrário do que eu esperava, não parecia um colete de forças. senti-me tão bem dentro daquilo que trouxe dois três (apanhei mega promoção), na esperança que me resolvessem o problema.

meti-os ao serviço logo no dia seguinte.. e são MESMO confortáveis! parece que tenho um top vestido, mas o material é tão fino e flexível, e fica tão aconchegadinho, que mais parece uma segunda pele, até me esqueço que estou a usar soutien. não aquece, não aperta, não tem costuras nem aros para irritar a pele, não prende os movimentos, e não fico com dores de cabeça por causa das alças a lixar os trapézios o dia todo. e não só tem bom suporte, e faz uma silhueta bonita e muito natural, como é totalmente invisível e imperceptível. o meu homem aprova!

mamas encarceradas dentro de armações e fechos NO MORE!!! 💪

e não, este post não é patrocinado. é serviço público mesmo, há que partilhar estes achados, não vá haver por aí mais almas, que tal como eu odeiam os soutiens tradicionais.

Episódios da vida doméstica I

Novembro 07, 2019

no domingo segunda chegámos da terrinha a altas horas da noite. vinha a planear ir directa para a cama, só que isto de ter dois gatinhos é muito giro, mas também dá trabalho. havia que tratar deles antes de ir dormir.

os ditos gatinhos estavam, como de costume, doidos de alegria com o regresso dos seus humanos, pois já não iam morrer à fome, nem à sede (agarraram-se logo as duas ao bidé, apesar de terem uma taça cheia de água 😑), como tinham wc cheio de poias e torrões de chichi que não se limpa sozinho.

nestas lides ainda perdi uns bons 15 minutos. depois fui meter as minhas coisas em ordem. enquanto isso, os gatinhos resolveram gastar toda a energia acumulada do fim-de-semana passado a dormir, àquela hora insana...

no meio das correrias loucas, uma atrás da outra, e durante voo a diagonal por cima da cama, a pirralha projecta um vomitado liquido que molhou tudo à sua volta 😐 tão às quatro da manhã, ainda tive que andar a mudar a roupa à cama, e a limpar o edredão e o colchão...

...opá! 

España // Barcelona - Palafrugell

Novembro 06, 2019

ora, então vamos lá ver, como é que se consegue ver cenas, fazer compras, e chegar a palafrugell a tempo de ainda ter um jantar romântico. vá lá que o check out do easyhotel era às dez da manhã. ajudou bué!

na noite anterior tinha andado a botar estrelas em pontos a tentar não perder, que felizmente ficavam próximos das lojas que queria atacar.

mas primeiro, tínhamos que chegar ao centro da cidade, e largar a bagagem num cacifo que já tinha reservado. depois, tomar o pequeno-almoço, que aconteceu à entrada do metro da plaça de catalunya. manda a tradição que, quando em espanha, tomar pelo menos um pequeno-almoço na dunkin donuts. como o mais perto ficava dentro da estação, aviamos as cenas, e viemos comer cá para fora lol

dunkin

subimos pela rambla de catalunya, depois cortamos pela diagonal, e entramos no passeig de gràcia junto à plaça del cinc d'oros, e começamos a descer. passamos pelas casas famosas todas: casa milà, casa batlló, e casa amatller. depois fizemos uma bucha, depois descemos até ao el gòtic, onde marchou uns churros con chocolate deliciosos na churrería laietana. e depois começou a ficar tarde para mais explorações, e ainda tínhamos que ir ao cacifo buscar a tralha, e acartar com aquilo pelo metro, até la barceloneta, onde ficava a rent-a-car. (ainda bem que) escolhi um balcão que nos deixasse orientados para sair da cidade, que aquela hora, tava assim pro afogada em trânsito..

foi uma visita demasiado apressada.. por isso perdoem-me a minha falta de entusiasmo pela cidade, nem 10% daquilo que há para ver, vi.. e o pouco que vi não me impressionou por aí além.. mas vá, um destes dias compenso esta falha monumental 😅

armei-me em fina e sovina ao mesmo tempo (estava mesmo a pedi-las lol). quis alugar o carro na sixt, porque os gajos têm uma app muito boa, mas pedi o carro mais básico, um ford ka "ou similar".. afinal, era só para ir e voltar a uma terrinha, não precisava grande coisa.

ha ha ha... NOT!

saiu-nos um kia picanto na lotaria das rent-a-car.. PQP... mal vi o carro, comecei a repensar nas minhas opções de vida.. bom, mas agora era tarde demais, e já estávamos a ficar atrasados.

depois de quase meia hora no pára-àrranca, finalmente o trânsito começava a fluir melhor, e já podíamos fazer contas à hora que íamos chegar a palafrugell, para marcar o jantar no restaurante que tínhamos escolhido. o homem faz uma primeira tentativa, e nada. uns 15 minutos depois faz uma segunda tentativa, e nada.

15 minutos depois tenta a nossa segunda opção, também ninguém lhe atende, isto já por volta das sete da tarde. mau.. o universo tá claramente a mandar-nos uma mensagem..

é então, que logo a seguir a passarmos por uma portagem, começa alta barulheira. "deve ser do piso da estrada", dizia o homem, mas aquilo era demasiado barulho, e o piso parecia-me absolutamente normal. eis que se acende a luz de pressão dos pneus....

"temos um furo" disse ao homem, ele olha para mim incrédulo. parei o carro na berma da auto-estrada para ele confirmar a minha teoria.. yep..

TIVE

UM

FURO

...o meu primeiro furo!!!!  foda-se, tava a ver que não acontecia muhahahha 

...só foi chato porque íamos lançados ao melhor alojamento das férias, e ao nosso jantar de aniversário. bom, vamos lá tratar disto, para ver se o atraso não é muito.

primeira má notícia: o kia não tinha pneu suplente, apenas kit de reparação..

segunda má notícia: o furo (rasgo) era lateral, e dizia especificamente no kit de reparação, para não utilizar nestes casos..

pânico? nada disso! lições dos trinta #8, #11, #46, #64, #67, #78, #172#236, e #329 a entrar em acção!

nesta altura, eu já estava a espera de ser atendida pela assistência em viagem. 

aqui poupo-vos aos detalhes, de como falar com um operador espanhol em inglês foi totalmente inútil, e acabamos por ter que desenrascar espanhol, e que fomos safos pelo google translate (e também pela casa de papel e pela elite, que nos ensinou umas cenas porreiras em espanhol), e que as chamadas estavam sempre a cair antes que conseguíssemos dizer onde estávamos, para mandarem o reboque.

bem vistas as coisas, ainda bem que o homem não tinha conseguido fazer a reserva no restaurante, se não era mais uma treta para resolver, já que não íamos chegar a tempo de jantar.

o reboque chegou meia-hora depois, eram oito da noite. carregou o carro, e levou-nos com ele até à terrinha mais próxima. a partir dali, tínhamos que ver com a assistência em viagem, como ia ser a nossa vida. eu cá só sabia que não queria voltar a barcelona. felizmente já estávamos mais para lá do que para cá.

uma vez que não estávamos longe de girona, a solução da rent-a-car foi mandar-nos de táxi até ao aeroporto, onde havia um balcão, que nos daria outro carro. opá, siga!!!

o táxi não demorou muito a aparecer. na viagem que durou cerca de 20mn até ao aeroporto, aproveitamos para ver onde ir jantar em girona.. olha que giro, bela maneira que o universo arranjou de me obrigar a ir a girona muhahaha

chegamos ao parque da rent-a-car, e no meio da imensidão de carros lá estacionados, estava um crossover azulão a brilhar em toda a sua graça, por baixo dum poste de iluminação.. pensei cá para mim, "foda-se, que saía muita bem daqui montada naquele bixo..."

entramos no escritório e o funcionário já estava a nossa espera, com os papéis da troca para assinar. é então que ele nos diz que vamos ter um upgrade, e vai buscar o carro. ca fixe!!! seja lá que upgrade for, há-de ser melhor que o picanto 😝

eis que o gajo aparece com a nossa viatura.. o cabrão do carro azulão que eu tinha micado quando lá chegamos.. NO WAY!!!! de um kia picanto vermelho minúsculo, para um opel grandland x azul grandalhão. e não havia falta de kias no estacionamento muahhaha also, ca raio se passa, que agora só conduzo carros azuis? 🤔

quando ter um furo é o melhor que nós pode acontecer... o universo é realmente muito engrassade.

fazer questão de pagar sempre o pacote máximo de seguro, com extras incluídos, fez com que não tenhamos gasto um cêntimo nesta cena toda.. fónix, é tão fixe quando as minhas pancas dão lucro 😆.

o carro tinha todas as mariquices que eu estava habituada do meu, e também tinha GPS!! vá homem, bota aí o nome do restaurante, que não há tempo a perder!! 

chegamos a girona por volta das dez da noite, o restaurante ainda estava a servir, mas nós ficamos logo ali colados a montra de tapas. só pedimos uns pimentos padrón e um pulpo a la gallega. de resto atacamos forte e feio nas tapas.

entretanto o homem pergunta à funcionária, como se chamava a iguaria que veio para a mesa, que era costume ser servida de entrada ali naquelas bandas. e ela responde, "pan con tomate!". e o homem, "mas não tem outro nome?" ela, "pan con tomate". "mas é só isso, pão com tomate?", "si, pan con tomate". pronto, é isso, pan barrado con tomate. opá, tão simples, tão estupidamente bom. umas das funcionárias do restaurante era tuga, e ainda tivemos uns minutos na converseta. tão fixe!

de pança cheia, siga para palafrugell, que não ficava muito longe dali. palafrugell não era bem o que estava a espera. era uma terrinha absolutamente normal. nem me pareceu turística sequer. demos duas ou três voltas ao quarteirão para estacionar. iamos com praticamente 4 horas de atraso, mas o hotel não tinha ninguém na recepção àquela hora, era só meter um código para abrir as portas. naice!

...e sim, o quarto, e especialmente a casa de banho, que era a jóia da coroa, era tudo aquilo que eu esperava encontrar. uma banheira que era quase uma piscina. e o que eu gosto de banheiras. e as toiletries eram da castelbel, amei! o resto da noite foi épica.. mas esses detalhes também vos poupo 😏

can liret

adenda,
a única coisa que a rent-a-car cobrou a mais, dias depois, foi o abastecimento do depósito do kia, e a taxa de abastecimento. devia ter reclamado da taxa, uma vez que não entreguei o carro com o depósito cheio porque estava impossibilitada de fazê-lo. só não reclamei, porque entretanto chegou uma surpresa bem maior, também relacionada com este episódio, da última entidade que estava à espera, e que ainda está para ser resolvida. depois logo dou um heads-up, porque acho que é importante.

Costa Brava // Begur - Barcelona

Novembro 03, 2019

este dia tínhamos que aproveitar muito bem, porque a) estava impecável, b) às sete da tarde tínhamos que estar em barcelona. por isso não perdemos muito tempo em begur, e seguimos viagem. 

mas não sem antes subimos ao terraço do hotel, para apreciar as vistas,

begur begur

a primeira paragem do dia foi platja fonda. onde estivemos cerca de uma hora. a água tava demasiado fria para ir ao banho, mas tava-se bem por ali.

platja fonda

depois seguimos para a próxima praia, que não muito longe dali, cala d'aiguablava. bem gira esta.. e cheia de gente, a aproveitar o dia.

cala aiguablava

cala aiguablava

o homem não lhe apeteceu ir à água.. cá para mim, foi porque ouviu alguém gritar da água "HAY MEDUSAS !!", e ainda tem fresquinho na memória o ataque do ano passado muhahahahahha. já eu, topei que havia pranchas de stand up paddle para alugar, e fui a correr montar-me numa. andei uma uma hora a remar de um lado para o outro, com cuidado para não cair à água.. por causa das medusas. era verdade, cheguei a ver uma lol.

stand up paddle

andava por lá um tipo também a fazer SUP, que ao ver o homem a tirar-me fotos, foi-lhe cravar para tirar fotos também. fez umas figuras jeitosas em cima da prancha loll a sério homens.. sunga (vermelha ainda por cima) não é sexy, deviam tê-las deixado ficar quietinhas nos anos 80 😬

por volta das cinco metemo-nos a caminho de barcelona, que o carro tinha que se entregue às sete da tarde. apanhamos um trânsito do caneco, mas conseguimos chegar a horas. a caminho da estação de metro, aproveitei tirar uma foto à frente da minha loja favorita 😆

aparentemente dá para fazer visitas, a ver se não me esqueço de marcar uma da próxima vez que irmos para aqueles lados.

amazon

o hotel escolhido foi o easyhotel barcelona fira, que andávamos curiosos com estes hotéis há já uns anos, e calhava ser dos mais em conta em barcelona. há que manter as coisas em equilíbrio. umas vezes é tudo à grande, outras, é a poupar onde se consegue lol

e também porque ficava em frente a um centro comercial enorme, onde havia uma MI store, onde queríamos ir mirar uns gadgets.

o hotel não é mau de todo, e ficamos num andar alto, com uma vista porreira. o quarto até era bastante espaçoso para um low budget, e a cama era bastante confortável,

easyhotel

mas se quiséssemos TV, tínhamos que pagar um extra. se quiséssemos WiFi, tínhamos que pagar um extra (5€.. cobrar por wifi em 2019 lol). late check out (ao meio-dia lol), tínhamos que pagar um extra (15€). vá lá que o a/c não era pago.. mas por acaso, não parecia estar a funcionar grande coisa 🤔

to be continued...

A blast from the past III

Novembro 01, 2019

no dia do meu 40º aniversário, recebi um email do passado.. ou seria do futuro? 🤔 anyway, há dois anos e quase três meses mandei-me um email, pelos vistos, uns dias depois de ter recebido um do passado (ou do futuro lol).

*

dear future me,

este email ainda é mais curtinho, dois anos e dois meses, mas quis que coincidisse nessa temível data, em que comemoras os teus..

40 ANOS!!!

muahahahah chegou rápido não chegou?

foooooooooooooda-se...

tá a custar muito? imagino que sim :D

curiosamente, não está a custar tanto quanto imaginava 🤔

anyway.. à semelhança do verão de 2014, o de 2017 tá a ser uma bosta semelhante. tiveste que sacrificar aquela semana dos feriados, que foi quando fez realmente bom tempo, e os poucos dias de praia que tens feito, não têm sido nada de especial..

finalmente despacharam almada, prevê-se uma estalada monumental no IRS pro ano que vem..

dói-me o rabo só de me lembrar dela.....

voltaste recentemente de férias de maiorca, e à parte da confusão de gente, até curtiste daquilo. btw, já regressaste? sempre seguiram o plano dos 2 dias em deià, e 3 na colónia? já conheces as outras ilhas? mais importante que isso tudo, já arrancaste o cabrão do dente que te fodeu o ultimo dia?

por supuesto. voltei lá no ano seguinte. dois dias em deià, e dois *perto* da colónia. e um em alcúdia. e sim.... já arranquei o dente 😬 lol e agora tens que ir tirar um siso também, por causa das coisas.

já de cansaste de tavira? apareceu outro spot interessante nos últimos dois anos? conta-me tudo!

bom, ultimamente temos ido mais para os lados de santa luzia.. é mais pacato, a paisagem é lindíssima, e há lá uma pastelaria brutal!

planos tens muitos, mas as quantidades de preguiça existem nas mesmas proporções.. já de cansaste de estar em velocidade de cruzeiro, gostavas de fazer umas merdas, mas não sabes muito bem o quê ao certo...

ooopá, se tu soubesses o sabes hoje 😆

tão vamos lá saber coisas,

comé que anda essa saúdinha? e dos teus? as coisas não têm andado famosas para aqueles lados :/

as coisas lá para aqueles lados resolveram-se nos entretantos. e tu também tens andado bastante ocupadinha nesse departamento muhahahah

ainda vives em lx? na mesma casa? já precisou de reparações? já mudaste as cenas na cozinha? já meteste cortinados?

sim. sim. por acaso já está a precisar de uns toques, aqui e ali. não. não lol. mas mudamos as lâmpadas todas, e agora tens uma casa 100% iluminada por LEDs. que todos ligados ao mesmo tempo, consomem menos que os três projectores de halogéneo que estavam no tecto falso do hall 😄

ainda és webdesigner? ainda estás na bright, ou já mudaste de ares?

sim. e sim, não mudei de ares, apenas de projectos.

conseguiste, nestes dois anos, perder a pança e alcançaste o teu objectivo de chegar aos 40 toda enxuta? e correr os 10k? tou curiosa para saber como correram as coisas com a PT. aguentaste isso muito tempo, ou cagaste pró ginásio de vez e desataste a comer batatas fritas e ganhaste 10kg? :D

lamento ter que te dar más noticias, mas a pança está maior do que nunca.. a boa noticia é que, apesar de mais banhuda, chegaste aos 40 viva e de boa saúde 😆. ainda não desististe dos 10k.. um dia, quem sabe.. a PT ainda dura (+2 anos yay), mas o ginásio não está com a frequência ideal. não ganhaste 10kg, mas ganhaste 2 😭 , mesmo sendo rara a vez que comes batatas fritas 😢

e o curso de japonês que o nuno tanto queria fazer? ficou em águas de bacalhau? faltaram muito? já sabem falar japonês?

o segundo ano ficou em águas de bacalhau a meio, por falta de tempo (fora o stress de ter que sair do trabalho à pressa, e andar de metro as seis da tarde, matam por completo a vontade). íamos recomeçar o segundo ano em setembro, mas por causa de outras coisas só dava para ir ao sábado e o horário não era fixe. pró ano... o nuno até dá uns toques fixes.

a gata, continua chatinha?

gatas!!! não tá chatinha, tá amudainha, por causa do pequeno diabrete que arranjamos para lhe fazer companhia 😓

ainda tens o cascas? já começa a dar alguma despesa, mas adoras o carro..

pois.. não sei como te dizer isto.. mas, és uma vira-cas(a)cas! 😆

ainda tens pachorra para o liwl? daqui a nada faz 20 anos! continua morno, ao sabor dos teus humores ou finalmente decidiste fazer alguma coisa com aquilo?

já tivemos esta conversa taaaantas vezes... é uma parte de mim, por isso é natural que esteja sujeito aos meus humores 🤔. mas por acaso no último ano tem andado animado. não decidi nada de especial, é para continuar como sempre foi.

hasta lá vista baby!

*

vou escrever um para receber no dia em que fazer os 50 hi hi hi

Ai a prevenção, a prevenção

Outubro 30, 2019

vou ser mais uma que neste dia nacional da prevenção do cancro da mama, vos chagar a cabeça do quanto importante é manter um olho atento na saúde dessa parte tão bonita e tão cheia de simbolismo do nosso corpo, que são as mamas.

a prevenção [primária] consiste numa série de hábitos que podemos adoptar, para a baixar nosso risco de vir a ter cancro da mama. está mais do que provado que, excesso de peso, inactividade física, dieta pouco saudável e consumo de álcool e tabaco são factores que potenciam o desenvolvimento de vários tipos de cancro. a bem da nossa saúde, cabe-nos a nós, alterá-los.

isto não é novidade para ninguém, estamos cansados de saber isto, até porque se tornou numa fonte inesgotável de matéria para os meios de comunicação, especialmente os sensacionalistas, que produzem artigos sobre prevenção do cancro em barda.

não questiono, de modo algum, a importância da prevenção.. mas confesso que a minha experiência com o cancro da mama deixou-me um bocado sensível com este tema. agora quando me aparecem à frente artigos com títulos do género "10 alimentos que ajudam a prevenir o cancro" ou "alimentos anti-cancro", ou "15 hábitos que ajudam a reduzir o risco de cancro", para além de ignorá-los completamente, fico um bocado irritada..

irritam-me porque creio que este tipo de abordagem é demasiado ligeira, e não educa bem a população a respeito da doença (mas sintam-se à vontade para mudar o meu ponto de vista). uma pessoa faz tudo o que lhe dizem para prevenir o cancro, e no fim, é surpreendida uma sarna para se andar a coçar durante uns tempos. e depois a pessoa fica angustiada, a questionar-se o que é que raio andou a fazer de errado.. será que não comeu mirtilos suficientes? será que devia ter bebido batidos verdes? será que as 4 horas por semana que passa no ginásio é pouco? pois..

é extremamente importante, para prevenirmos esta - e outras doenças também (por ex. cardiovasculares e diabetes), mantermos um estilo de vida saudável:

  • evitar o sedentarismo, e praticar exercício físico regularmente
  • manter um peso adequado
  • ter uma alimentação equilibrada e saudável
  • não fumar
  • limitar o consumo de bebidas alcoólicas
  • evitar o stress
  • não apanhar sol nas horas de maior intensidade, e mesmo assim, usar sempre protector solar

isto é o básico, e existe evidência cientifica que garante que muitos cancros podem ser evitados apenas com alterações ao estilo de vida... mas isto só não chega. porque as pessoas podem ficar convencidas que, se levarem um estilo de vida e alimentação saudáveis, não ficam doentes.. e não é bem assim. para além de existirem vários pequenos factores que nem sempre conseguimos controlar (por ex, gravidez tardia ou não ter filhos, não ter amamentado, ter tomado contraceptivos hormonais ou terapia hormonal de substituição), existem outros que estão completamente fora do nosso controlo (por ex, menstruação precoce e menopausa tardia, tecido mamário denso, e factores genéticos).

e também porque à medida que vamos envelhecendo, o organismo vai perdendo a capacidade de se regenerar, causando erros genéticos aqui e ali, cada vez com mais frequência. e o nosso sistema imunitário, por mais fortalecido que esteja devido aos nossos cuidados, nem sempre consegue dar conta de todas as ameaças, sobretudo se forem tão sorrateiras como é o caso do cancro.

bottom line, não existe forma de nos prevenirmos *realmente* contra o cancro. tal como não existem dietas, nem super alimentos ou suplementos, que ajudem o sistema imunitário a eliminar as células cancerígenas sozinho.

por isso mesmo, torna-se necessário vigilância constante. conhecer bem o corpo, e suspeitar de qualquer alteração repentina. é imprescindível fazer o autoexame à mama uma vez por mês, mas nada substitui uma ecografia e/ou mamografia de rotina. a mamografia pode parecer um exame assustador, mas ter as mamas prensadas durante alguns segundos, a cada um ou dois anos, não é assim tão horrível como isso, é só desconfortável, e pode poupar a chatices tão maiores

fazer consultas e exames de rotina e participar nos rastreios é fundamental para apanhar a doença em estados iniciais. um diagnóstico precoce da doença pode fazer toda a diferença no prognóstico, pode inclusive evitar cirurgias mais extensas, e tratamentos longos e agressivos como a quimioterapia. 

e perdoem-me a franqueza.. mas não fazer exames de rotina com medo daquilo que podemos vir a encontrar, é uma desculpa idiota.

estima-se que nos últimos 30 anos, a prevenção, diagnóstico precoce e tratamento do cancro da mama reduziram a taxa de mortalidade em cerca de 35% dos casos. isto são as boas notícias, que podem (e devem) servir de encorajamento para sermos pro-activas na prevenção desta doença.

love your boobies

leitura recomendada:

O que provoca o cancro da mama? O que sabemos e do que suspeitamos

Programa de Rastreio de Cancro da Mama

[Programa de Rastreio de Cancro da Mama] Resposta às suas Perguntas

Mamografia: porque é tão importante

The Cancer Atlas: Risk factors

WCRF: Cancer prevention recommendations

e um vídeo (que já tem alguns anos, mas que continua bastante actual e está muito bom), para quem não quer perder muito tempo com leituras pesadas:

Prevenir o cancro da mama



REFERÊNCIAS:

WHO: Breast Cancer: prevention
WHO: Breast Cancer: early diagnosis
ASCO: Breast Cancer: Risk Factors and Prevention
European cancer mortality predictions for the year 2019 with focus on breast cancer
Decades-long drop in breast cancer death rate continues
The benefits and harms of breast cancer screening: an independent review
Delay in Breast Cancer: Implications for Stage at Diagnosis and Survival
Role of physical activity in onset, prevention and treatment of human neoplasms
Weight Management and Physical Activity for Breast Cancer Prevention and Control
Cancer Research UK: Reports that cancer is ‘mainly bad luck’ make a complicated story a bit too simple
Cancer Research UK: Food controversies 
What Are Superfoods and Are They Really Super?

Gatinhos aturam-se

Outubro 29, 2019

3 meses de gatinhos!

pirralha gatifonga

a pirralha tá a ficar crescida, e já não tem medo nenhum da gatifonga. anda sempre a tentar meter-se com ela. volta e meia andam as duas rebolar pela casa. parece o faroeste.. altas correrias, por cima de tudo, e a levar tudo à frente. faz altas golpes de parkour nas paredes e nos móveis, só para ampliar os ataques.

há uns dias apanhei-a engasgada e a cuspir-se toda, porque abocanhou o casaco farfalhudo da outra e ficou com a boca cheia de pêlos. não tarda nada, começa a vomitar bolas de pêlo que não é dela..

a paciência que a gatifonga tem que ter, para aturar a energia daquele diabrete.. quando não lhe apetece brincar e bufa-lhe, a pirralha fita-a de queixo levantado tipo, "que é que se passa, miga?"

parece uma adolescentezinha. é desobediente, refilona, não tem maneiras nenhumas a comer, tá sempre alta javardice em redor da taça dela, ainda se esquece muita vez de enterrar as poias, e os brinquedos andam sempre todos espalhados pela casa. não aguenta muito tempo quieta, e anda sempre à cata de coisas para brincar. brinca com qualquer coisa que lhe apareça pela frente.

faz umas vocalizações muita estranhas, nem sei bem ao que é que aquilo soa.. às vezes parece uma galinha, outras um furão. quando salta da árvore ou do sofá ou da cama e aterra no chão faz um guincho, parece um squeaky toy. quando se quer deitar, não se senta primeiro, deixa-se cair pró lado.

ainda não percebeu lá muito bem o conceito de partilha. tal como a outra, é ciumenta. se um de nós pega na gatifonga para lhe dar mimos, ela fica a olhar tipo, "tão e eu?", quando tem um humano disponível ao lado. não... tem que ser aquele que está ocupado.

também a gatifonga não gosta de nos ver a dar mimos à pirralha, e vira sempre a cara pro lado. fica toda ciumenta quando a ela anda em cima de nós, mas ela não se mexe, não vem cravar mimos como costumava fazer, fica quieta a um canto, com ar de virgem ofendida.

são tramados, estes gatinhos...

continua meio amuada connosco, apesar de estar sempre de olho no que a outra anda a aprontar, de passar muito tempo a brincar com ela, de comer da mesma taça, mesmo que a comida seja repartida por duas taças iguais, e de tentar lamber-lhe o pêlo e o rabo, e só não conseguir porque a outra não pára quieta e quer mais brincadeiras que lambidelas.

ainda não dormem juntas, mas tenho fé que agora com o tempo frio, elas descubram que é fixe dormirem aninhadas uma na outra.

Costa Brava // Figueres - Begur

Outubro 28, 2019

tive receio por ter cometido alguma ilegalidade cósmica ao skippar figueres e girona 🤭, e que provavelmente iria despoletar a ira do universo, mas... qual cidades, eu queria era moooooooontanhas!!! 

a primeira passagem do dia, seria pela estrada que atravessa a serra de rodes. normalmente, a malta curte o top gear grand tour por causa da pornografia dos carros.. já eu, é mais pelas estradas e paisagens por onde aqueles sacanas se metem a conduzir. vai daí, tinha uma estrela no mapa, ali na base dos pirinéus, junto ao oceano mediterrânico, onde o hammond se andou a passear com um mazda mx-5, há uns anos. 

mas já lá vamos.

íamos parar num miradouro, mas vi uma placa gigante a avisar para termos cuidado com os assaltos. depois vi o chão coberto de vidros de carro. depois não vi ninguém à volta a não ser um carro a umas dezenas de metros... o...k... lição dos trinta #147 e #315 a entrar em acção!

demos logo meia-volta ao cavalo.. mil vezes perder um miradouro do que estragar as férias. um pouco mais à frente, paramos para ir visitar o mosteiro de sant pere de rodes.

serra de rodesserra de rodes

o pequeno parque de estacionamento estava praticamente completo, a maioria eram carros de aluguer, mas haviam três mais velhos e batidos, que não eram certamente de turistas. por esta altura já tínhamos passado por pelo menos 3 placas a avisar sobre os assaltos. pelos vistos, a malta ali é bera...

ficamos perto do carro, a tirar fotos à paisagem, que era lindíssima. depois decidimos subir até à igreja de santa helena de rodes, mesmo por cima de nós, para termos a vista ainda mais desafogada. vinha um grupo da descer da igreja, que se seguiu directo pelo trilho que levava ao mosteiro. outro casal de turistas que tinham chegado ao mesmo tempo que nós, também já estavam a caminho do mosteiro.

íamos começar a subir a escada de acesso à igreja, quando reparamos que estávamos os dois sozinhos.. mais três tipos com ar de poucos amigos, que se andavam a roçar por ali, como não quer a coisa, à espera de qualquer coisa... NOPE, NOPE, NOPE!

naquele momento entramos logo em modo DEFCON 1, a temer pela nossa integridade física.. foi mesmo, fuck dat shit, vamos mazé pirar-nos daqui para fora, antes que nos aconteça alguma cena marada.. já diziam os antigos, quem tem cú, tem medo. 

bom, venha a minha estrada serpenteada prometida!

esta não é tão insana como a de sa calobra, não tem tanto desnivel, é mais larga, dá para esticar mais, e consegue-se apreciar a vista durante a condução, a outra não dava para descolar os olhos do asfalto. o kona não se portou mal, mas acho que o c-hr tinha sido do crl!

gip-6041gip-6041
gip-6041gip-6041
gip-6041

👏👏👏

passamos por umas quantas terrinhas à beira-mar plantadas, muita castiças, todas arranjadinhas, e que nesta altura do ano estão bastante pacatas. mas consigo imaginar a enchente de turistas durante o verão. o dia não tava mau, mas não estava calor suficiente para fazer praia.

platja sa conca
cadaqués

a meio da tarde paramos em torroella de montgrí, para ferrar o dente. tava dificil de encontrar um restaurante aberto aquela hora, aquela malta tem horarios decentes.. às tantas, o homem sugere irmos ao supermercado, e comprarmos umas cenas para fazer uma bucha. e foi o que fizemos. voltamos de lá uma tortilha, queijo manchego, jamón, e uma baguete. maravilha!

já na direcção do destino do dia, begur, paramos em pals, uma aldeia medieval recuperada. bem gira.

palspals
palspals

chegamos a begur já ao fim do dia, mas ainda a tempo de apanhar o por do sol no terraço do hotel, que foi o que me "vendeu" a estadia lá. o quarto era impecável, pequeno, mas ultra confortável. begur fazia-nos lembrar de deià.. as saudades que tenho de deià.. e da dona antónia.. e do sa fonda.. adoro deià, fónix...

sunset

e mais uma vez a ronha prolongou-se até tarde, e já só conseguimos safar umas tapas num tasco. pena não termos ido mais cedo, que eram deliciosas, e já não havia muita escolha.

to be continued...

40!!!

Outubro 26, 2019



chegar às quatro décadas de vida é uma sensação estranha.. estava aterrorizada com a ideia de fazer 30.. já os 40 foi o completo oposto, tou totalmente zen. deve ser porque estava com uma certa expectativa. será que é agora que vou finalmente tornar-me "adulta"? será que vão deixar de tratar-me por "menina"?

adeus 30as... espero que os 40as honrem o teu magnífico legado!

Lições dos trinta

Outubro 26, 2019

até aos 20 descobri que não me encaixava bem naquilo que seria suposto ou esperado de mim, que não queria as mesmas coisas que os outros, e achava que a vida tinha que ser mais do que parecia. não foram anos fáceis (acho que não são para ninguém).

entre os 20 e 30 descobri o que significava ser dono do próprio nariz, e foi sempre a aviar. foram os verdadeiros anos loucos, grandes desbundas, principais objectivos de vida realizados.

durante os 30as descobri a importância do desenvolvimento pessoal, de não deixar que nada nem ninguém interfira com a nossa vida. entrei nesta década com um esgotamento nervoso a bater à porta, e uma depressão no horizonte, e levei praticamente 5 anos a dar a volta à questão. só demorou mais tempo por teimosia da minha parte, mas ensinou-me muita, muita, muita coisa. sobre mim, sobre os outros, e sobre o mundo. foi por isso que decidi registar as lições aprendidas, uma por dia, todos os dias.

foi um desafio monumental, conseguir reunir estas 365 lições. tive dias que não me ocorria nada, mas estava determinada a não falhar um único dia...

e CONSEGUI!!! 👏👏👏  nem m'acardito, cacete!

ao princípio ainda contemplei a ideia de escrever o contexto de cada lição, mas apercebi-me logo que a lição mais um post, era demasiado para mim. não quer dizer que não o venha a fazer no futuro.. a brincar, a brincar, tenho aqui material para inspirar anos de posts hi hi hi

o que não estava nada à espera, foi que este exercício fosse tão benéfico para mim própria. talvez por estar sempre a ler e a reler as lições para não repeti-las, interiorizei-as de uma tal forma, que estão sempre a saltar-me para a frente dos olhos. e por vezes são uma grande ajuda!

a todes vocês que acompanharam esta aventura, e comentaram, e enviaram emails, tenho a agradecer o apoio, e especialmente a pachorra para aturar estes posts (ou postais, como diz a sarin), dia após dia, após dia.. u'r the best!!! 😘😘😘

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#12   #11   #10   #9   #8   #6   #5   #4

seguir nos blogs do SAPO

email: [email protected]

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

'Le Archive

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2004
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2003
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D