Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lost in wonderland

lost in wonderland

The last 10 years or so...

Dezembro 30, 2010

este é o ano ideal para fazer o resumo da ultima década, pois foi a partir de 2001 que vivi as maiores mudanças da minha vida. tão bora lá..

 

2001

no inicio do ano ficou decidida a escola em que queria tirar o curso.

várias deslocações a lisboa sucederam-se. janeiro para ir conhecer a escola, em maio para a inscrição, junho para os psicotécnicos, e julho para a entrevista.

o stress do se-sou-aceite-ou-não acabou finalmente em agosto, quando chegou o tão esperado telefonema. tinha sido aceite e a mudança no mês seguinte estava eminente. ia finalmente realizar o sonho de viver em lisboa (ou perto).

entretanto também o (agora) marido soube que tinha sido aceite no mesmo curso.

 

em setembro mudei-me de armas e bagagens para (não tão perto de) lisboa. o curso começou a 11 de setembro. e até ao fim do ano vivi em casa de amigos, numa terreola não muito longe de sintra, e que me obrigava a usar essa odiosa linha (que é a de sintra) para as deslocações diárias. não foram tempos fáceis e decidi que estava na hora de me mudar para mais perto de lisboa.

 

2002

o ano começou com a mudança para almada. depois de várias tentativas para arranjar quarto em lisboa desisti. não encontrava nada de jeito a preços decentes e a outra margem surgiu como alternativa. além disso, a estudar perto do cais do sodré, era o ideal.

o segundo ano de curso fui brutal, a malta arrastava-se pela escola todos os dias até as tantas. gostávamos mesmo daquilo he he

fui pela primeira vez ao festival do sudoeste e foi awesome :)

 

2003

foi o ano em que este blog nasceu.
em julho, entreguei as chaves da casa de almada e mudamo-nos para azeitão, para fazer obras naquela que viria ser a nossa futura casa.

foi também um último verão em que trabalhei no restaurante.

em setembro começava o último ano do curso.. ir todos os dias de azeitão para lisboa revelou-se uma valente pain in the ass.. N10 + A2 + ponte 25 de abril todos dias em hora de ponta..leva qualquer pessoa à loucura :P

 

2004

um ano em cheio (de stress).

pra já começou comigo a render-me aos encantos da maçã. esta referencia não podia falhar he he
em abril começavam as obras da casa. em maio o furas veio para nós. em julho acabamos o curso em grande. e o melhor de tudo: doze anos depois voltei a ter um agosto sem ter que aturar turistas chatos!

em outubro fiz do marido, marido, e no último dia de dezembro, estávamos de volta a almada, já na nossa casinha nova.

 

2005

pela primeira vez em 4 anos estava separada do marido durante a maior parte do dia. foi uma adaptação bastante penosa, mas teve mesmo que ser..

em agosto o marido mudou da etic para o iol e ainda foi pior, pois ainda estava mais tempo longe de casa.

com a minha desmotivação a aumentar e deixar de tolerar a solidão da casa e do trabalho de freelance, decidi que estava na altura de também eu arranjar trabalho fora. em dezembro comecei a trabalhar no sapito (já la vão 5 anos) :)

 

2006

o ano em que nos estreamos como campistas e iniciamos um dos nossos grandes hobbies: passear!!

passamos uns dias brutais na costa alentejana. grande verão!

 

2007

foi basicamente a continuação de 2006: muito passeio, muita diversão, muita fotografia :)

nesse ano cometi uma das maiores doidices de sempre, quando fiz o salto tandem no dia 7 do 7 do 7 :)

 

2008

este foi um ano à maneira!

o marido mudou novamente de emprego e finalmente conseguimos comprar o carro novo, fora o mac (que já morreu) e os iphones (entre outros devaneios).

ah, e fartamo-nos de passear, que é mesmo o que nós gostamos lol

 

2009

em termos profissionais foi provavelmente o melhor ano de todos.

isso e corremos esse país que nem uns leões, açores incluído!

viajei pela primeira vez de avião (comercial) e tudo lol

 

e eis que chegamos a 2010 (mas isso é outra história)..

Sim, mudei!

Junho 03, 2007

Então decidi mudar aqui o estaminé prós blogs do sapo!
Fora o link não mudou grande coisa, o look do blog está igualzinho, apenas a barra lateral está ligeiramente diferente, pois sofreu umas arrumações (tardias) de primavera, e os comentários que FINALMENTE deixaram de abrir em pop-up (coisa bastante irritante por sinal).

Então, mas porquê..?

Ok, acredito que não achem normal, uma pessoa que tem alojamento próprio e mais três blogs, todos eles a correrem em cima de wordpress (a plataforma de eleição da malta geek), mudar-se para um serviço público (será que lhe posso chamar assim?), em vez de fazer o que andava a prometer há meses, que era adaptar a plataforma homemade do blog para wordpress..

So, what's the deal?

"Hum, cá para mim tem alguma coisa a ver com o facto de estares na equipa dos blogs..." dizem vocês.
Se calhar até tem, sim! Ao passar a trabalhar de perto com a plataforma, apercebi-me que ela é realmente boa, que está constantemente a ser melhorada para se adaptar às necessidades dos utilizadores, e que tem uma equipa extremamente zelosa por de trás dela, que se preocupa com tudo e mais alguma coisa. Apercebi-me que tem tudo o que preciso para dar a este moço (o blog, leia-se) uma boa qualidade de vida sem trabalho e sem preocupações nenhumas! Querem melhor razão?

Não, ninguém me pediu para faze-lo, nem me prometeram nada que não prometam aos outros todos. Tomei a minha decisão depois de ter testemunhado umas quantas migrações bem sucedidas. Uma destas tardes, voltei-me para a malta e disse: "É oficial! vou mudar-me!"
Isso aconteceu numa quinta-feira, e na quinta-feira seguinte, estava a colocar o meu primeiro post (que por coincidência, é o post numero 777, o meu numero favorito vezes 3! Só pode ser bom sinal, certo? he he).
Claro que o processo foi mais rápido porque um colega ofereceu-se de imediato (e não foi por ser eu, hem!!) para fazer o "trabalho sujo" de adaptar o template e migrar as bases de dados, eu tive apenas que amanhar a barra lateral e o css.

A única coisa estranha no processo é mesmo deixar de ter o blog no meu servidor (onde estava há 4 anos). Deve ter qualquer coisa a ver com sentimento de posse ou coisa assim, tipo "xáráp! sou eu quem paga a renda, sou eu quem manda nesta espelunca!!" mas isso é apenas uma questão de tempo até que me habitue à ideia, fora isso, estou bastante satisfeita com a minha decisão!

Quem me linka pode muito bem continuar a usar o url existente (liwl.net), que por questões várias vai ser mantido, e quem me quiser linkar no futuro também pode usar esse, se quiser, porque é mais curto e tal e coisa..

Btw, não se admirem de apanhar links marados de uns posts para outros, pois ainda não actualizei as ligações todas..o mesmo acontece com algumas fotos e imagens. Se apanharem algum desses links/pics, feel free to drop me a line ;)

Só a titulo de curiosidade, o backoffice da minha plataforma homemade era assim! he he

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#12   #11   #10   #9   #8   #6   #5   #4

seguir nos blogs do SAPO

email: [email protected]

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

'Le Archive

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2004
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2003
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D