Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

lost in wonderland

lost in wonderland

Meet... Sasha!

Dezembro 02, 2012

como sou preguiçosa e aborrece-me a desarredar os móveis para limpar por baixo, arranjei esta peste moça para me ajudar :D

 Untitled

 

kidding. esta coisa fofa veio continuar a tarefa que o furas começou: destruir a casa! :D

 

apesar de tar farta de saber que não temos muita disponibilidade para animais, desabituarmo-nos deles é um tormento.. e o furacãozito deixou um vazio tremendo na nossa vida. bem tentei lutar contra a falta que me fazia um mafarrico peludo, cada vez que começava a vacilar, enumerava mentalmente todas as desvantagens em ter bixos e a coisa atenuava..mas quem é que estava eu a tentar enganar? 

 

cheguei a um ponto em que até os gatos de rua já perseguia, só para tentar sentir-lhes o pêlo. foi nessa altura que o marido viu que era inútil resistir e começou a habituar-se à ideia de que mais cedo ou mais tarde iríamos voltar a ter outro animal.. mas desta vez seria um gato. ter outro furão agora era complicado, já para não falar que ainda não recuperei do trauma de ter um pet tão fixe mas com uma expectativa de vida tão curta..

 

até nomes arranjámos, só faltava mesmo aparecer o bixo.

 

uns tempos mais tarde, tava eu descansadinha da minha vida quando o marido pasta-me no chat um link para o facebook.. para a foto de uma gatinha para adopção.. tão fofa que arrepiava! e como se isso não fosse doloroso o suficiente, acrescentou por baixo: "sasha..."

 

apeteceu-me esganá-lo! 

 

mas até o safado foi incapaz de resistir àquela ternura e quis saber se alguém já lhe tinha deitado a mão ou se podia ficar com ela. ficou-nos prometida, mas ainda íamos ter que (des)esperar umas semanas até que fosse seguro separa-la da mãe. 

 

...e como o universo tem um sentido de humor distorcido, no dia em que fomos buscá-la, fazia precisamente um ano que o furas nos deixou..

 

uma semana depois!

 

esta seriga(i)ta tem tanto de meiga como de maluca (brinca com tudo, dá piruetas e corridas insanas pela casa), adoptou-nos com uma facilidade incrível e é super dependente: anda sempre, sempre atrás de nós e mia quando lhe desaparecemos de vista. andamos completamente derretidos com ela :)

 

(btw.. sim pervs, essa mesmo :D)

A familia cresceu!!!

Abril 01, 2011

depois de anos a dizermos que furas precisava de companhia, decidimo-nos finalmente pelo novo pet...

...meet mike!
 

corgi

 
tão foooooooooooooooofo =D

 

e porquê um canito, perguntam vocês? 

outro furão era arriscado, que os bichos são altamente territoriais entre eles e o furas tá velho para disputas de poder. um gato é chato, salta para todo o lado e arranha tudo e o mijo deles cheira muitíssimo mal, já me basta o do furas..

 

então decidimo-nos por um welsh corgi!

é uma raça com bastantes semelhanças aos furacões: são pikenos e têm as patas curtíssimas, logo não causam muitos estragos porque não têm grande alcance, e super-simpaticos e amorosos. vai daí que achamos que era a companhia ideal para o nosso diabrete hi hi hi

 

fomos busca-lo ontem à noite, ainda não tiveram tempo de se acostumar à presença um do outro, mas tenho cá para mim que rapidamente se tornaram amigos inseparáveis =D

 

parece que o sacanita gosta de ladrar mas não quero saber.. o do vizinho também ladra, pode ser que sirva de vingança de vez em quando :P

E quando uma pessoa pensa que já viu tudo...

Maio 03, 2008

...eis que hoje encontramos, num jardim à beira-mar em setúbal, um homem que andava a passear um porco. sim leram bem, um porco!
claro que nós, estupefactos com o que estavamos a presenciar, fomos incapazes de resistir e fomos meter conversa. descobrimos que afinal não era só um porco, mas sim, dois, uma porquinha com nove meses e o um ainda mais pequenito, com 1 mês.. fofos até dizer chega!

ficamos a saber que eram porcos vietnamitas, uma espécie de porco anão, que por não crescer muito há quem o tenha como animal de estimação, que era o caso. achei o máximo, ter um porco de estimação lol. eu até curto porcos, fazem um barulho giro e têm uma expressão engraçada, parece que estão sempre a rir. vai na volta é por isso que não gosto de comer carne de porco...

anyhoo, o porco pequeno era lindo lindo, tinha uns 25cm de comprimento, era um bocado arisco e cada vez que lhe pegávamos, o gajo começava a guinchar.
a porca, teria um meio metro de comprimento, e era muito meiga, quando lhe começávamos a fazer festas, a gaja deitava-se no chão, toda refastelada. gulosos como tudo, o dono estava a dar-lhes pão, e a dada altura, a porca filou o papo-seco todo e pirou-se. o dono vai atrás dela para lhe tirar e ela guinchava furiosamente lolll enquanto lá tivemos não pararam de comer.

achei piada foi às suas caudazinhas...parecia o rabo de um canito, e eles não paravam de abana-las. deviam estar contentes he he

...e é por estas alturas que eu fico furiosa comigo mesma por não andar sempre com uma máquina fotográfica atrás..mas encontrei no flickr, dois espécimens tão queridos como os que vimos, um bebé e um mais crescidote. e também encontrei um video no youtube. mesmo queridos, os bixos!

'Le me

tem idade suficiente para ter juízo, embora nem sempre pareça. algarvia desertora, plantou-se algures na capital, e vive há uma eternidade com um gajo que conheceu pelo mIRC.

no início da vida adulta foi possuída pelo espírito da internet e entregou-lhe o corpo a alma de mão beijada. é geek até à raiz do último cabelo e orgulha-se disso.

offline gosta muito de passear por aí, tirar fotografias, ver séries e filmes, e (sempre que a preguiça não a impede) gosta praticar exercício físico.

mantém uma pequena bucket list de coisas que gostava de fazer nos entretantos.

'Le liwl

era uma vez um blog cor-de-rosa que nasceu na manhã de 16 de janeiro, no longínquo ano de 2003, numa altura em que os blogs eram apenas registos pessoais, sem pretensões de coisa alguma. e assim se tem mantido.

muitas são as fases pelas quais tem passado, ao sabor dos humores da sua autora. para os mais curiosos, aqui ficam screenshots das versões anteriores:
#12   #11   #10   #9   #8   #6   #5   #4

seguir nos blogs do SAPO

email: [email protected]

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

'Le Archive

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2004
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2003
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D